Passadas as festas de fim de ano, Sarah Menezes permanece na França, onde já retomou a rotina de treinamentos antes de se apresentar para a seleção brasileira de judô.

sarah franca treino

Depois de passar a virada do ano na companhia do namorado Loïc Pietri, a campeã olímpica de 2012 reencontrou os tatames no final da semana passada.

Sarah Menezes permanece na França até o dia 14. De volta ao Brasil, ela se juntará a outros judocas da seleção brasileira em um treinamento de campo na cidade de Pindamonhangaba (SP), entre os dias 22 e 30 de janeiro.

 

Fonte:cidadeverde.com

Estamos no mês de início do Campeonato Piauiense e da Copa do Nordeste e ainda não temos uma certeza a respeito da liberação dos dois estádios de Teresina para a temporada de 2019.

ac6f8df1bcc8fc37bd06346cd6e232fbFoto - Eduardo Frota - Cidadeverde.com - Arquivo - Piauiense

O Albertão, após 7 meses sem futebol profissional, foi aberto para o amistoso River x Moto Club do Maranhão, no domingo passado (6), porém com as mesmas deficiências anteriores.

E foi até pior porque não estava funcionando o serviço de iluminação, o que forçou uma mudança de última hora no horário do jogo, sendo antecipado de 17h00 para as 16h00.

Por conta da falha grave, o River teve um tremendo prejuizo financeiro. E o futebol piauiense também por conta da repercussão negativa foi prejudicado. E como é que fica para as duas competições que estão chegando ? Altos terá os compromissos da Copa do Nordeste a partir do dia 16 e o Campeonato Piauiense de 2019 vai começar no dia 20.

E logo no começo de fevereiro teremos os jogos River x Fluminense do Rio de Janeiro e Altos x Santos de São Paulo pela Copa do Brasil.

O Estádio Lindolfo Monteiro permanece fechado e já está caminhando para um ano. A própria Federação de Futebol do Piauí contratou uma equipe para cuidar do gramado, na tentativa de torná-lo em condições de jogo.

Até o final desta semana poderá ficar concluído o trabalho. Os laudos, porém, ainda não foram encaminhados à CBF.

Como diria Deoclécio Dantas "Eita Piauí difícil".

 

Fonte:cidadeverde.com

Impossível falar sobre a contratação de Réver pelo Atlético-MG e não se recordar de sua primeira passagem. Até o próprio jogador destaca o tema e se diz chateado pela forma como deixou a Cidade do Galo em 2015.

a964e0e48bad81ab630ddab9106ba66fRéver fica no Galo até o fim de 2021- Bruno Cantini - Atlético - MG

Em sua apresentação ao clube, nesta segunda-feira (7), o defensor de 33 anos falou sobre a sua saída da equipe há quatro anos. O atleta crê que deveria agir de forma distinta na ocasião.

"Eu ia até fazer uma brincadeira, mas é melhor não brincar neste momento. Passava um turbilhão de coisas na minha cabeça por conta da minha saída. Muitos torcedores perguntaram por que saí daquela maneira. Eu fiquei muito chateado comigo mesmo, não com ninguém. Deveria ter agido diferente talvez", lembrou.

"Foi uma lesão que me castigou muito. Em um número de 50 jogos, eu acabei fazendo apenas 11 jogos. Já veio aquele diabinho na minha cabeça falando bastante coisa, colocando bastante coisa na minha cabeça e acabou conseguindo.

Em 2015, falaram que o Réver vivia lesionado, mas isso era conversa de pessoas mal-intencionadas. Em 2015, estava totalmente pronto para jogar, mas em função da escolha de treinadores, acabou não dando certo."

Depois disso, Réver obteve destaque pelo Flamengo e, inclusive, encarou o Atlético no Mineirão. Esse reencontro foi tratado como uma surpresa pelo zagueiro, que conquistou a Libertadores de 2013 pelo clube mineiro.

"No Flamengo, acabou aquele pensamento que o Réver tinha morrido, que não era mais o mesmo. Vim jogar no Mineirão, contra o Atlético, e a torcida acabou me surpreendendo.

No momento do aquecimento, a torcida começou a gritar meu nome. Isso marcou muito para mim e para os companheiros que estavam ao meu lado. Fiquei sem reação e não sabia o que fazer com aquele carinho", disse.

"Voltamos para iniciar a partida e pessoas brincando sobre o que tinha acontecido ali. Na minha cabeça, passou um sentimento de amor que não é explicável. Marcou muito o que a torcida do Atlético fez para mim nesse dia, nesse jogo.

Isso mostra o respeito que eles têm por mim. Espero que, neste retorno ao Atlético, possa retribuir todo esse carinho com grandes atuações, gols e títulos", acrescentou.

Réver assinou contrato até dezembro de 2021. Além dele, o Atlético-MG também contratou Igor Rabello para reforçar o setor defensivo. O clube ainda conta com o veterano Leonardo Silva e o jovem Maidana no elenco.

THIAGO FERNANDES
BELO HORIZONTE, MG (UOL/FOLHAPRESS)

O Palmeiras segue rompido com a FPF (Federação Paulista de Futebol), mas entrará no estadual com força máxima. O anúncio feito pelo diretor de futebol, Alexandre Mattos, tem o planejamento da comissão técnica como explicação.

04dc17a3021f8795ade11392792b94ecCrédito: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação

É fundamental para o setor de preparação física que os atletas disputem jogos e não só treinos para que o ritmo ideal seja adquirido o quanto antes. A estreia no Paulista está marcada para o dia 20, contra o Red Bull, mas o principal objetivo da temporada começa no dia 6 de março: a Libertadores.

Até lá, os atletas precisam alcançar alguns objetivos físicos para desempenharem o máximo possível com a bola rolando. O rodízio adotado por Luiz Felipe Scolari, inclusive, faz parte das planilhas da comissão.

Desde o primeiro dia, o time alviverde tem feito testes com seus atletas para tentar se antecipar aos problemas e evitar lesões e desgastes.

Um fator que também atrapalha os planos alviverdes é o limite de inscrição da competição. O Paulista só permite que 26 nomes sejam inscritos e, apesar de dar a opção de uma lista ilimitada com nomes da base, impede que o time seja formado inteiramente de garotos.

Também por isso, o Palmeiras pretende ter apenas 30 atletas em seu elenco. Um número maior do que esse significa, necessariamente, atletas que ficarão sem poder disputar nenhuma partida oficial até a estreia da competição sul-americana.

Se dentro de campo o torcedor poderá ver seus principais atletas em ação, fora deles, é provável que os palmeirenses sigam ausentes. Maurício Galiotte, por exemplo, disse em entrevistas que nem iria à festa da federação mesmo se fosse campeão estadual.

Recentemente, a notícia de que a FPF proibiu o uso de vídeos não oficiais para eventuais processos também revoltou o clube alviverde.

O Palmeiras recebeu a história como uma comprovação da entidade, praticamente admitindo que houve interferência externa na final de 2018, quando o Corinthians teve um pênalti contra cancelado no Allianz Parque.

Fonte: UOL/FOLHAPRESS

  • Faculdade Fera
  • Anjos do Saber
  • Garoto
  • Rosa Branca
  • Nortista
  • G  Gas
  • Miguel Eletromoveis
  • Açai Pizza
  • Espeto e Cia
  • Galeria dos Calçados
  • Mega Link
  • Gran Pizza
  • Ada Atten