O Tribunal de Justiça do Piauí julga nesta quarta-feira, dia 13, o pedido de anulação da sentença que inocentou o professor Luis Augusto Antunes, que foi acusado de matar a travesti Makelly Castro.

f2a96a1eba77f40d244478a8cfbbab37

Na época, Makelly tinha 24 anos e foi morta asfixiada. Seu corpo foi encontrado no Distrito Industrial em julho de 2014 por moradores da região.
O professor Luis Augusto foi absolvido da acusação.

O promotor Ubiraci Rocha não concordou com a sentença e recorreu.

A 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça vai bater o martelo se anula a sentença. O relator do processo é o desembargador Joaquim Santana, que preside a Câmara.

O julgamento do professor foi controverso, cheio de dúvidas. Testemunhas só reconheceram o carro vermelho, o mesmo que o professor usava na época. Houveram relatos de tentativa de homicídio contra travesti por um suspeito que estava em um carro com as mesmas característica do professor, porém o suspeito teria habilidades em artes marciais e um tatuagem de dragão no tórax. Durante o julgamento, o professor mostrou o corpo e não tinha tatuagem de dragão.

O advogado do professor, Gilberto Ferreira, informou ao Cidadeverde.com que vai lutar para o TJ manter a decisão do Júri.

"O Ministério Público alega que a decisão dos jurados contrariam as provas. Nossa argumentação é que existiam duas versões e os jurados têm liberdade de escolha de absolver o réu ou condená-lo. E não existe nenhuma prova de que o professor cometeu o crime", disse o advogado Gilberto Ferreira.

 

Fonte:cidadeverde.com

O homem que foi encontrado morto durante a madrugada desta segunda-feira na localidade Morrinhos, com sinais de violência, cortes no rosto e uma perfuração feita possivelmente por disparo de arma de fogo, foi identificado como Valdomir da Silva, 40 anos de idade, natural da cidade de Nazaré do Piauí. residente no bairro Sipaúba naquele município. Valdomir era filho do senhor Domingos das Neves e seus familiares estiveram na manhã de hoje no Hospital Regional Tibério Nunes para fazer o reconhecimento do corpo, em seguida providenciar o sepultamento em sua terra natal. 

WhatsApp Image 2019 03 11 at 09.30.55Moto encontrada ao lado do corpo da vítima. (Imagem:Divulgação)

O corpo do Valdomir foi encpntrado na madrugada de hoje(11) em uma estrada de acesso à localidade Morrinhos, caído ao lado de uma moto com sinais de violência, com cortes pelo rosto e um ferimento semelhante ao provocado por um disparo de arma  de fogo. A Polícia militar esteve no local e a Delegada Nayana da Paz, da Polícia Civil realizou os primeiros levantamentos no local do crime que será apurado através do inquérido instaurado.

 

Da redação

A Polícia Militar foi a primeira a ser acionada para se deslocar até o local onde um corpo foi encontrado, a primeira viatura a chegar no local estava sendo comandada pelo Sargento Ricardo, em seguida o Oficial CPU Sub-Tenente Luis Carlos também se dirigiu para a localidade morrinhos. Ao retornar para o Quartel do 3º Batalhão Policial Militar, ele concedeu uma entrevista ao vivo para o nosso informativo, dizendo que o corpo foi encontrado em uma estrada que não é mais utilizada com frequência como via de acesso pois existe um outro caminho que é mais utilizado, disse também que o corpo apresentava lesões no rosto e um ferimento semelhante a disparo de arma de fogo na região do peito.

WhatsApp Image 2019 03 11 at 08.48.14Sub-Tenente Luis Carlos. (Imagem:Reprodução)

Confira outras informações que foram passadas pelo militar, na vídeo-reportagem abaixo.

Da redação

Após a realização dos primeiros levantamentos no local do crime, a equipe da polícia Civil comandada pela Delegada Nayana da Paz liberou o corpo do homem para ser conduzido para o necrotério do Hospital Regional Tibério Nunes para ser submetido a exames cadavérico.

WhatsApp Image 2019 03 11 at 08.14.57Chegada do corpo do homem assassinado. (Imagem:Reprodução)

Nossa portagem registrou o exato momento da chegada do corpo que foi conduzido pela equipe da empresa Dario Pax. Segundo informações colhidas por nossa reportagem, o homem não portava nenhum documento de identificação. Confira o vídeo.

Da redação