Considerando que a população de Floriano tem sido uma forte parceira da polícia no combate ao crime através de denúncias para o telefone 190, o comandante do 3º Batalhão Policial Militar, Ten Cel Rubens Lopes investiu na tecnologia e será implantado no próximo mês um aplicativo para que as pessoas possam fazer suas denúncias de uma maneira mais rápida e segura. Com nome de Den3bpm o novo aplicativo está em fase experimental e a previsão para a sua colocação em prática é o próximo mês. Em comunicado feito ao portal jc24horas o comandante do 3º BPM disse que trata-se de "Mais uma ferramenta de trabalho, o novo canal de comunicação on line entre o nosso batalhão e a comunidade, com informações seletivas e confiáveis". A apresentação oficial do novo aplicativo será no dia 25 de junho durante as solenidades de aniversário da Polícia Militar do Piauí.

Screenshot 2016 05 28 08 12 52Aplicativo para denúncias. (Imagem:Divulgação)

 

Da redação

O serviço de policiamento ostensivo desenvolvido pelos homens e mulheres do 3º Batalhão Policial Militar foi tranquilo nas últimas 24 horas, segundo informações do Tenente Roberto Feitosa em entrevista concedida na manhã de hoje ao portal jc24horas. O oficial estava de plantão e foram registradas apenas duas ocorrências de furto em residências e apesar da movimentação da feira agropecuária, não foi registrada nenhuma ocorrência naquele espaço de lazer.

20160528 0746283º Batalhão Policial Militar. (Imagem:Temístocles Filho/jc24horas)

 

Da redação

O músico sanfoneiro Vanderlei faleceu na noite de ontem em um dos leitos da UTI do Hospital Regional Tibério Nunes e a família denuncia o descaso por parte daquela instituição de saúde na demora para comunicar o óbito do artista que faleceu as 21h do dia 26 e apenas as 11h 30min do dia 27 é que a senhora Maria da Conceição, viúva de Vanderlei recebeu a visita da assistente social do hospital comunicando o falecimento.

20160527 182335Viúva e ex-cunhada, ambas Maria da Conceição. (Imagem:Temístocles Filho/jc24horas)

 

Elas procuraram a reportagem do jc24horas para denunciar o descaso e em entrevista a ex-cunhada de Vanderlei disse que reconhece que houve um equívoco na anotação do número de telefone deixado pela esposa do falecido, mas ela (ex-cunhada) deixou o seu número de telefone como segunda opção de contato, além do mais através do endereço as  assistentes poderiam ter deslocado mesmo que fosse um mototaxi que a família pagaria a corrida, visto que a justificativa dada pela assistente social foi a falta de transporte.  

Em conversa com o médico e com a assistente social do Hospital Regional Tibério Nunes que não quiseram gravar entrevista, o Dr. Kelmar disse que usou próprio telefone para tentar entrar em contato com a família mas não conseguiu e a Assistente Social Neuma disse que foi deixado apenas o telefone da esposa, mas confirmou a falta de transporte, dizendo inclusive que fez o deslocamento no carro de um funcionário do referido hospital, A família pretende acionar a justiça para denunciar o descaso.

 

Da redação.

 

Uma dupla de motoqueiros do patrulhamento Moto Tático conseguiu recuperar uma motocicleta na noite de ontem por volta das 22h no bairro Campo Velho. O veículo é uma moto Honda NXR cor preta, placa OEA-2987 que havia sido furtada na manhã de ontem na Avenida Petrônio Portela nº 97, bairro Rede Nova quando estava estacionada em frente à residência do proprietário Sr. Francisco Wellington de Sousa. Os bandidos utilizaram a moto para realizar três assaltos a transeuntes e no momento da recuperação do veículo os integrantes do patrulhamento Cabo Igor e Soldado Itamaraty recuperaram também o aparelho de telefone celular de uma as vítimas.

20160527 080808Moto recuperada pelo Cabo Igor e Soldado Itamaraty. (Imagem:Temístocles Filho/jc24horas)

Apesar do sucesso na recuperação que conseguiram fazer, os PMs não prenderam os bandidos que se embrenharam em um matagal nas imediações deixando os produtos recuperados pelos dois policiais. 

20160527 065221Celular da vítima e capacetes e calçado dos bandidos. (Imagem:Temístocles Filho/jc24horas)

 

Da redação