Fábio Carille, 45, falou nesta quarta-feira pela primeira vez sobre a negociação que mantém com o Corinthians para retornar ao clube. Em entrevista à TV MBC, emissora da Arábia Saudita, o treinador afirmou que o acerto com o time alvinegro está bem encaminhado.

ac36f46611235f252a2398851a90dc0aFoto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

"A negociação está bem adiantada. Vamos esperar os próximos dias, mas a diretoria [do Al Wehda] está 100% ciente do que está acontecendo aqui", disse.

"Tem coisas que não dá para falar, não. Vamos esperar os próximos dias", acrescentou.

Carille deve se desligar do time saudita depois da quinta-feira (13), pois comandará o Al Wehda nos próximos dois jogos da equipe, conforme pedido do xeque que comanda o clube.

A liberação do treinador para voltar ao Corinthians também depende do pagamento da multa rescisória, no valor de 750 mil dólares (R$ 2,9 milhões).

O brasileiro chegou ao time da Arábia Saudita em maio deste ano, justamente após deixar o Parque São Jorge. Na época, ele assinou contrato até 2020.

Carille foi o escolhido pelo Corinthians para substituir Jair Ventura, demitido no início da semana após o fraco desempenho à frente da equipe, que terminou o Campeonato Brasileiro apenas na 13º colocação, além de ter lutado até a penúltima rodada para evitar um novo rebaixamento.

 

LUCIANO TRINDADE
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS)