6132ea03e806dcb5ee42b9bd60bb3ac3

A cineasta Petra Costa estava na dúvida entre três opções para vestir no tapete vermelho do Oscar. Deixou para os últimos minutos sua escolha pelo longo do sul-africano Marc Bouwer e joias do designer Fernando Jorge, brasileiro radicado em Londres e um dos nomes mais pulsantes da nova joalheria mundial.

O paraense Lino Villaventura, famoso pelos desfiles carregados de drama cinematográfico na São Paulo Fashion Week, desenhou um longo, e Alexandre Herchcovitch, outros três. Mas Costa, segundo o stylist Anderson Rodriguez, preferiu mostrar mais pele no vestido com do tipo túnica com uma capa.

"Meu trabalho foi o de apresentar opções para ela. Havia muitos vestidos, mas neste ela se sentiu mais segura", diz Rodriguez.

Ex-colaborador da revista Serafina, para a qual criou o estilo dos editoriais de moda, Rodriguez ainda vestiu Petra em outros eventos. Na festa da Netflix, ela foi com um branco de Villaventura, e no jantar oferecido pela Academia aos indicados, um da grife mineira Coven.

A beleza da cineasta no Oscar é do "beauty artist" brasileiro Rômulo Flores, que também trabalhou com o stylist na "Serafina". Ele colou um batom vermelho como o look.

Fonte: Folha Press

  • Ada Atten
  • Cabedo
  • Paraiba
  • Blossom
  • Espeto e Cia