• Jorge
  • Oticas Floriano
  • Construforte
  • Posto Aliança
  • chopp sabora
  • Garoto
  • Paraiba
  • Dario PAX
  • Paraiba
  • chopp sabora
  • Dario PAX
  • Oticas Floriano
  • Posto Aliança
  • Garoto
  • Jorge
  • Construforte

A delegação da Seleção Feminina começou a se apresentar nesta segunda-feira (20), em Copenhagen (DIN), para o período de Data FIFA, que vai de 21 a 29 de junho. A equipe brasileira disputará dois jogos amistosos na Europa, diante da Dinamarca e da Suécia. A piauiense Adriana Silva, está entre os nomes que irão disputar os amistosos e também a Copa do América de futebol feminino com a seleçaõ. A jogadora natural de União e que atualmente defende o Corinthians.

36eb9fcbb99523c08e99f31d468062cdFoto: Luís Figueiredo/CBF

No início da manhã, a meia Angelina e as atacantes Geyse e Gio foram as primeiras a chegarem à concentração.
Além da comissão técnica, também já integram a equipe as goleiras Lorena, Luciana e Gabi Barbieri, as defensoras Tainara, Rafaelle, Kathellen, Fê Palermo, Letícia Santos e Tamires, as meias Luana, Adriana, Ary Borges, Duda Sampaio, Duda Santos e Gabi Portilho, e as atacantes Bia Zaneratto e Gabi Nunes. Nesta terça-feira (21), são aguardadas as chegadas da defensora Thais Ferreira, a meia Kerolin e a atacante Debinha.

A técnica Pia Sundhage comandará o primeiro treinamento com a equipe nesta terça-feira (21), às 17h (Horário local), no Rundforbi Stadium, em Copenhagen. A Seleção Feminina enfrentará a Dinamarca no dia 24 de junho, às 14h (Horário de Brasília), no Estádio Parken, na capital dinamarquesa. O confronto diante da Suécia será no dia 28 de junho, às 13h30 (Horário de Brasília), na Friends Arena, em Estocolmo (SUE).

 

 Fonte: CBF

Sem clube desde que foi informado que não vai renovar contrato com o Barcelona, o lateral-direito Daniel Alves vê arriscada também sua sequência na seleção brasileira a cinco meses da Copa do Mundo do Qatar.

Em participação no podcast "Podpah" nesta segunda-feira (20) à tarde, o técnico Tite fez muitos elogios ao jogador de 39 anos, mas disse que sua convocação para o Mundial não é garantida.

Tite revelou uma conversa com o lateral e com Fábio Mahseredjian, preparador físico da seleção, ainda antes da saída de Dani no Barcelona.

O comprometimento com a questão física é o ponto mais crucial para o treinador, que também citou a necessidade de um "campeonato nível alto" para que ele se mantenha em evidência.

"O Dani é extraordinário tecnicamente, impressionante a capacidade técnica que tem. Ele tem que cuidar do aspecto físico, de força, para estar na plenitude da sua forma.

Digo isso porque conversei com ele e o Fábio e no final brinquei: 'Dani, tu não vai estar na Copa só por um motivo: se fisicamente não estiver nas condições e num campeonato disputando em nível alto. E aí a culpa [da não convocação] é do Fábio, não minha'. Aí começamos a rir", disse Tite, antes de completar com mais elogios ao lateral-direito:

"A qualidade que tem, o espírito de liderança, os títulos, e jogando em posição-função onde consiga produzir seu melhor. Na seleção ele está numa situação confortável para produzir bem."

Daniel Alves está disponível no mercado da bola a partir do fim de junho. Havia a possibilidade de renovação com o Barcelona até dezembro de 2022, mas o clube decidiu não ativar a cláusula.

De olho na Copa do Mundo do Qatar, o veterano lateral-direito enxergava no Barça a possibilidade de continuar jogando em alto nível e, assim, não sair do radar da seleção. Agora precisa repensar os planos.

22b68a5ad88e1d30657577213a9137bcFoto - Lucas Figueiredo - CBF

De novembro de 2021 a junho de 2022 foram 17 jogos, com um gol e uma assistência. Mallorca-ESP, Valladolid-ESP, Athletico-PR e Fluminense já foram apontados como possíveis destinos de Daniel Alves.

TITE ELOGIA FAGNER, DO CORINTHIANS

Fora da seleção brasileira desde setembro de 2019, o também lateral-direito Fagner foi tema da pergunta de um internauta durante o "Podpah" com Tite e César Sampaio.

O espectador quis saber se as lesões que tiraram o jogador do Corinthians de ação nos últimos tempos atrapalharam que ele tivesse uma nova chance numa posição ainda indefinida para a Copa.

"O Fagner é um dos jogadores que a gente tem sempre acompanhado e buscado na função dele específica dentro daquele hall de atletas selecionáveis", disse Tite.

Danilo é o titular da posição e a outra vaga está aberta. Daniel Alves é favorito, mas Emerson Royal também tem chances. Outros candidatos, como Fagner, hoje correm por fora. A convocação para a Copa do Mundo rola em outubro.

Fonte: UOL/FOLHAPRESS

Na tarde desta segunda-feira (20), o Flamengo divulgou o diagnóstico da lesão de Bruno Henrique. Foi confirmada a ruptura de ligamentos no joelho direito, e o atacante vai precisar fazer cirurgia. O clube prevê que o jogador seja desfalque por um ano.

997bf779674771c01cfccfa344ca01f8Bruno Henrique desfalcará o Flamengo por um ano (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

Bruno Henrique, 31, se lesionou na vitória por 2 a 0 sobre o Cuiabá e deixou os gramados chorando.

Ele chegou a realizar um exame de imagem no dia 16, em que foi diagnosticado a lesão multiligamentar. No entanto, devido ao inchaço, não foi possível escolher o tratamento.

Em meio a isso, o atacante realizou novos exames na tarde desta segunda-feira e, com a confirmação do resultado, o Flamengo optou pelo tratamento cirúrgico.

O prazo de recuperação também foi informado pelo clube e está estimado entre 10 e 12 meses. A cirurgia será realizada nos próximos dias.

Dessa forma, iniciando a recuperação de Bruno Henrique, o Flamengo se mantém disputando três competições: Copa do Brasil, Copa Libertadores e Brasileirão. O time rubro-negro volta a campo na quarta (22), contra o Atlético-MG, pela Copa do Brasil.

Bruno Henrique se despede, assim, da temporada com apenas 23 partidas disputadas. Comparando, em 2021, foram 48 jogos com a camisa rubro-negra.

Fonte: UOL/FOLHAPRESS