• Dario PAX
  • Farmaduty
  • Oticas Floriano
  • Garoto
  • Posto Aliança
  • Farmaduty
  • Oticas Floriano
  • Garoto
  • Posto Aliança
  • Dario PAX

O campeão de judô Nilo carvalho anunciou na manhã de hoje que está deixando o tatame. Ele faz parte AJQ (associação Judô Queirós) uma entidade piauiense que é a única do nordeste a fazer parte do cenário nacional. "A Bahia não conseguiu com o Vitória, nem com o Bahia, Fortaleza, nem o Sport Recife. Só a AJQ do Piauí conseguiu vaga". Disse Nilo durante entrevista concedida ao jc24horas. Com o seu pedido de afastamento, Nilo deixa de compor a equipe como lutador e passa a integrar a equipe técnica. "Vou ajudar do lado de fora do tatame". Prosseguiu o nosso entrevistado.

0bc5e8d7 b2fb 4a08 a793 a89e2550b3aeNilo carvalho. (Imagem:Temístocles Filho/jc24horas)

A AJQ vai participar de uma importante competição a nível nacional no estado de São Paulo, nos dias 05 e 06 de novembro no Pinheiro Esporte Clube. "Vai ser uma competição duríssima, fortíssima mas eu creio que o Piauí vai ficar entre os cinco primeiros colocados". Disse confiante o integrante da comissão técnica Nilo Carvalho que no último dia 12 de agosto completou 30 anos como praticante de judô, sendo 25 anos como atleta conquistando vários títulos, mais de duzentas medalhas, 14 títulos consecutivos, campeão nacional, campeão sul-americano, dentre outros. "Eu sou o maior campeão piauiense até o momento. Estou parando de vez e agora daqui pra frente é formar campeões" Concluiu Nilo.

 

Da redação

O atleta florianense Eduardo Medeiros e sua parceira Ana Júlia vão representar nossa cidade no primeiro campeonato de muay thai em Teresina no próximo dia 13 de novembro no ginásio da Uninovafapi no horário de manhã. No dia 12 véspera do campeonato vai acontecer um seminário com um mestre nessa maodalidade de arte marcial que já treinou atletas como Anderson Silva e outros. Confira a vídeo reportagem com o representante florianense.

20161017 200446Eduardo Medeiros. (Imagem:Pablo Yuri/jc24horas)

 

Da redação

Com uma recuperação que parecia improvável dentro do jogo, o São Paulo voltou a vencer no Campeonato Brasileiro. Fora de casa, a equipe bateu o Fluminense por 2 a 1, de virada, em partida válida pela 31ª rodada.

40897a505177fb2fffd18d1047d67a7fSão Paulo reage no 2º tempo, vence o Fluminese e respira.(Imagem:Divulgação)

O atacante Wellington Silva abriu o placar na primeira etapa, de pênalti. Os visitantes viraram no segundo tempo com gols de Thiago Mendes e Rodrigo Caio.

Com o placar, o São Paulo - que não vencia há cinco jogos - pula para a 12ª posição e tem 39 pontos, quatro acima do Vitória, primeiro time da zona de rebaixamento. O Fluminense, por sua vez, perde sua vaga no G6: é agora o nono na tabela, com 46 pontos, a dois do sexto Atlético-PR.

As duas equipes voltam a campo pelo Brasileiro no próximo fim de semana. O São Paulo joga no sábado, às 17h, contra a Ponte Preta no Morumbi. O Flu volta a campo no domingo, quando encara o Coritiba no Couto Pereira, às 18h30.

Depois de esbarrar em uma boa marcação do São Paulo, o Fluminense conseguiu abrir o placar graças a um contra-ataque. Thiago Mendes errou o passe, e o atacante Wellington arrancou do campo de defesa.

sem ser incomodado, ele invadiu a área, passou entre Maicon e João Schmidt e foi derrubado por Denis. Pênalti. Na cobrança, ele bateu no canto esquerdo e abriu o placar.

O São Paulo só conseguiu ameaçar de fato o adversário uma vez. Gum errou a saída de bola, Chávez passou para Cueva e o peruano acertou a trave.

O Fluminense voltou melhor no começo da segunda etapa. Com mais posse, o time acertou a trave em um de cruzamento de Gustavo Scarpa e viu Denis fazer boa defesa em cobrança de falta de Marquinho.

O jogo mudou a partir dos 15 minutos. Ricardo Gomes promoveu a estreia do jovem David Neres, que entrou no lugar de Robson. O São Paulo passou a pressionar mais e quase empatou em jogada do próprio Neres, que cruzou e viu Thiago Mendes chutar para fora.

O volante, porém, se redimiu aos 26 minutos. Gum e Marquinho se atrapalharam na hora de afastar a bola da grande área. Na sobra, Thiago Mendes chutou e empatou: 1 a 1.

Melhor na partida, o São Paulo conseguiu a virada aos 36 minutos do segundo tempo. Kelvin cobrou escanteio da esquerda, e Rodrigo Caio ganhou da defesa pelo alto para cabecear e virar: 2 a 1.


Fonte: ESPN

O sonho do título ficou um pouco mais distante para o Flamengo. O Internacional venceu o Rubro-Negro, por 2 a 1, na tarde deste domingo, no Beira-Rio. O Colorado se impôs diante de sua apaixonada torcida e deixou a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro com o resultado, agora com 36 pontos. Já o time carioca permaneceu com 60, agora quatro a menos do que o líder Palmeiras, que venceu o Figueirense por 2 a 1.

1c05c72bde596f3874a89195d15c2fa3Inter vence o Flamengo e deixa o Z4; Palmeiras agradece.(Imagem:Ricardo Duarte)

O Flamengo partiu em busca do gol logo nos minutos iniciais. O Rubro-Negro ocupou espaço no campo de defesa do Internacional. Os donos da casa tentaram revidar com Vitinho, como sempre o mais perigoso do Colorado. Do outro lado, Guerrero teve duas oportunidades de abrir o placar em cabeçadas, mas não teve sucesso nas investidas.

Aos 16 minutos, Everton sentiu dores musculares na coxa direita e foi substituído por Fernandinho. Diego comandava as ações no meio do time rubro-negro, mas enfrentava forte marcação. Já o Inter teve muitas dificuldades para criar jogadas e pouco ameaçou Muralha no primeiro tempo. Mesmo com o meio campo cheio de peças, o Colorado ficou devendo antes do intervalo.

Os donos da casa voltaram arriscando mais no início do segundo tempo. Seijas assustou em chute de longa distância. O Flamengo demorou alguns minutos a se encontrar, mas chegou ao gol aos 11 minutos. Réver subiu mais alto do que a defesa do Inter em cobrança de falta de Diego e cabeceou para a rede.

A equipe de Celso Roth deu o troco nove minutos depois. Eduardo Sasha, que entrou no segundo tempo, aproveitou sobra de bola e chutou cruzado, sem defesa. Como não poderia ser diferente, o gol animou o Inter. O time gaúcho seguiu pressionando, mas esbarrava em Muralha, que fez boas defesas.

Aos 35 minutos, Valdívia, que também entrou no segundo tempo, arriscou bom chute de fora da área. Muralha se esticou e espalmou, mas a bola sobrou para Vitinho, o cara do jogo. “Mitinho”, como é apelidado o atleta, encheu o pé e sacudiu a rede.

O Flamengo tentou buscar o empate, mas já era tarde.

FICHA TÉCNICA:
INTERNACIONAL 2 X 1 FLAMENGO
?
Local: Beira-Rio, Porto Alegre (RS)
Data/hora: 16/10/2016 - 17h (em Brasília)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio - (GO) - FIFA
Auxiliares: Fabricio Vilarinho da Silva (GO) e Bruno Raphael Pires (GO) - FIFA
Cartões amarelos: Alex, Paulão e Vitinho (Inter); Guerrero (Fla)
Público e renda: 31.981 pagantes / R$ 640.755,00
Gols: Réver, 11'/2°T (0-1); Sasha, 20'/2°T (1-1); Vitinho, 35'/2°T (2-1)


INTERNACIONAL: Danilo, Ceará, Paulão, Ernando e Geferson; Rodrigo Dourado, Anselmo (Fabinho, 41'/2°T), Alex, Gustavo Ferrareis (Sasha, intervalo) e Seijas (Valdívia, 17'/2°T); Vitinho. Técnico: Celso Roth.

FLAMENGO: Alex Muralha, Pará, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo (Emerson, 35'/2°T), Willian Arão e Diego; Gabriel (Alan Patrick, 19'/2°T), Everton (Fernandinho, 16'/2°T) e Guerrero. Técnico: Zé Ricardo.

Fonte: Lance!

  • Espeto e Cia
  • Paraiba
  • Blossom
  • Rastek
  • Casa Boa Esperança
  • Cabedo
  • Ada Atten