• Construforte
  • floriano shop
  • Dalva
  • Farmaduty
  • Oticas Floriano
  • Garoto
  • Dario PAX
  • Posto Aliança
  • Paraiba
  • Dalva
  • Garoto
  • Posto Aliança
  • Farmaduty
  • Dario PAX
  • Paraiba
  • Construforte
  • Oticas Floriano
  • floriano shop

O Campeonato Piauiense da Série B foi decidido neste sábado (9) no Estádio Gérson Campos, na cidade de Oeiras. A equipe local confirmou a sua melhor campanha ao longo da competição e conquistou o título com vitória categórica de 3 x 0 sobre o Corisabbá de Floriano.

ec2691637593f46a8fd99f94627e7cdcFoto - Oeirense Oficial

Aos 16 minutos do primeiro o meia Jônathas marcou fazendo 1 x 0. Na fase final o time da Primeira Capital consolidou a vitória com gols de Rairo aos 19 minutos e Pablo aos 39. Placar final de 3 x 0.

Com a vitória o Oeirense ganhou o troféu Pedro Alcântara Nascimento instituído pela Federação de Futebol do Piauí.

A torcida do Oeirense comemora a conquista do título e a promoção para a Série A do futebol piauiense em 2022. É mais uma conquista para o técnico Flávio Araújo.

Oeirense e Corisabbá estarão no Campeonato Piauiense da Série A de 2022.

Agora as duas diretorias vão decidir sobre as formações dos elencos e das comissões técnicas para a próxima temporada, a ser iniciada no mês de janeiro.

Fonte: cidadeverde.com

O Sport conquistou sua terceira vitória seguida no Campeonato Brasileiro ao ganhar em casa do Corinthians por 1 a 0, neste sábado, na Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE).

9ba9dcc69a010480c187a5852a286e07Foto: Rodrigo Coca / Ag. Corinthians

O resultado freou uma reação do time paulista na competição, que estava invicto havia dez partidas, e tirou a equipe pernambucana da zona de rebaixamento do torneio.

Sem Willian, poupado por causa de um incômodo na coxa esquerda, o Corinthians tinha muita dificuldade para criar jogadas e levar perigo ao Sport. Do outro lado, o time pernambucano era mais incisivo, mesmo não tendo maior posse de bola, e passou a levar perigo para o gol de Cássio.

A primeira boa chance veio com Gustavo, que tabelou na entrada da área e mandou no canto, com perigo. A bola passou perto e assustou o goleiro Cássio.

Pouco tempo depois, aos 23, na cobrança de escanteio, o zagueiro Sabino cabeceou sozinho e marcou o gol. Mas Rafael Thyere, em impedimento, estava na direção da bola e atrapalhou Cássio. Após revisão do VAR, o gol foi anulado.

Mesmo com o susto, o Corinthians não reagiu na partida e continuou acuado e sem saber o que fazer com a bola no ataque. E o Sport aproveitava para criar as jogadas e levava perigo, principalmente com Gustavo e Mikael.

O primeiro se livrava da marcação com bons dribles e o segundo incomodava os zagueiros alvinegros. Mesmo assim, nos primeiros 45 minutos a equipe paulista conseguiu se segurar.

Na etapa final o duelo ficou mais aberto. Sylvinho soltou um pouco mais seu time e deu margem para os contra-ataques do Sport Com isso apareceram algumas chances para o Corinthians, mas o time também sofreu com a velocidade do Sport. Até por isso, o treinador alvinegro tratou de segurar um pouco mais seus laterais, Fagner e Fábio Santos.

Sem conseguir furar o bloqueio defensivo do adversário, os dois treinadores optaram por mexer na equipe para tentar o gol da vitória.

O Corinthians apostou em Adson e Gustavo Mosquito. Do outro lado, o técnico Gustavo Florentín foi mais ousado e colocou três jogadores mais ofensivos, dando fôlego novo ao seu ataque.

As substituições surtiram efeito e aos 35 minutos, Paulinho Moccelin, que tinha acabado de entrar, recebeu pela esquerda, ajeitou para o lado para fugir da marcação de Fagner e mandou para o gol. Cássio tentou alcançar, mas não conseguiu, e a bola morreu no fundo da rede. Gol do Sport, para alegria da torcida local.

Em desvantagem, o Corinthians partiu para cima, em busca do empate, e quase conseguiu com Gabriel Pereira. Ele fez uma jogada individual e chutou, mas o goleiro Mailson fez ótima defesa e evitou o gol.

A partir daí o Sport conseguiu se segurar e conquistou sua terceira vitória seguida, respirando um pouco mais aliviado no Brasileirão.

Fonte: Estadão Conteúdo

Com dois gols de Hulk e um de Diego Costa, o Atlético-MG venceu o Ceará por 3 a 1, no estádio do Mineirão, no fim da tarde deste sábado. Gabriel Lacerda, já nos acréscimos, descontou para os visitantes.

6a7d0829c47b0bc76af46be99a013fa8Foto: Clube Atlético Mineiro / Pedro Souza

O jogo foi válido pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro e o time mineiro chega a 17 jogos de invencibilidade no torneio. Já o Ceará volta a perder após três rodadas (dois empates e uma vitória).

Líder isolado, o Atlético-MG se recupera do empate diante da lanterna Chapecoense na última partida e chega a 53 pontos com mais esta vitória, podendo abrir ainda mais vantagem para Flamengo e Palmeiras, que têm 39 pontos cada e ainda jogam na rodada. O Ceará, por sua vez, permanece com 29 pontos, na 13ª colocação.

O jogo começou com o Atlético atacando e o Ceará se defendendo, cenário que durou cerca de 30 minutos. O time da casa chegou a ter um pênalti marcado a seu favor, mas o árbitro voltou atrás, com auxílio do VAR.

A primeira finalização do Ceará no jogo aconteceu em uma ótima chance no minuto 30, quando Everson fez grande defesa em chute de primeira de Vina.

Logo no lance seguinte, o time mineiro partiu em contra-ataque rápido e fez 1 a 0. Jair mandou grande lançamento para Hulk partir em velocidade e chutar forte para abrir o placar. Por conta da reclamação acintosa que fez pedindo uma falta no lance do gol, o técnico Tiago Nunes, do Ceará, foi expulso.

O duelo seguiu agitado até o intervalo e os dois times tiveram chances perigosas de gol, que foi acontecer mesmo nos acréscimos, aos 54 minutos.

Depois de drible desconcertante de letra do Zaracho, Jair recebeu na área para fazer o pivô e foi derrubado por Messias. O juiz marcou pênalti e, na cobrança, Hulk deslocou o goleiro para fazer o seu segundo gol no jogo e o 10º na competição.

Na volta para o segundo tempo, o Atlético-MG começou assustando em duas boas chegadas e, quando o Ceará respondeu, Everson foi muito bem novamente. O time mandante seguiu dominando, mas o ritmo do jogo diminuiu.

Na reta final, Nacho Fernández e Diego Costa, que haviam entrado no decorrer do jogo, trabalharam juntos para fazer 3 a 0. O argentino fez jogada na linha de fundo e cruzou para o atacante, que está voltando de lesão, marcar o terceiro.

Ainda deu tempo do Ceará diminuir nos acréscimos, aos 48 minutos, com Gabriel Lacerda pegando sobra do escanteio e cabeceando cara a cara com Everson.

O Atlético-MG enfrentará o Santos na próxima quarta-feira, às 19h00, novamente no Mineirão. O jogo será válido pela 26ª rodada, na qual o Ceará visita o São Paulo, no estádio do Morumbi. O jogo está marcado para quinta-feira, às 19h.

Fonte: Estadão Conteúdo

A equipe do Fluminense vem se testando bastante visando a Pré Copa do Nordeste, que inicia no dia 16 de outubro com jogo entre Imperatriz-MA x Fluminense, jogo único que acontece no estado do Maranhão. A equipe decidiu colocar o elenco sub20 comandado por Totonho para disputar a competição e nesse momento de reta final de preparação apostam em jogos amistosos para testar o elenco que recebeu reforços.

3081628715c203be8277bbcad363bda8Fotos: Neyla do Rego Monteiro/Ascom Fluminense

Na tarde da sexta-feira (8) enfrentaram o Pacatuba-CE e venceram por 4 a 1, com gols de Wyldson (2x), Diego e Wylker. As duas equipes se enfrentam novamente neste sábado (9), no Lindolfo Monteiro a partir das 9h30 da manhã.

1174d6f7ca021cb9b241c486ba663e57

O placar em si dos jogos é menos importante e sim testar a formação titular, manter os atletas com ritmo de jogo, pois estavam disputando o Piauiense Sub20 até algumas semanas e foram campeões, mas também entrosar os atletas recém-chegados.

O Fluminense foi ao mercado e contratou dentro da idade de até 20 anos mais nove jogadores após o título com o time de base. As pessoas que chegaram depois aparentemente estão se adaptando muito bem ao elenco, pois os três nomes que marcaram gols na vitória diante o time do Ceará são recém contratados – Wyldson, Wylker e Diego.

O Vaqueiro do Piauí decidiu por conta do curto tempo para montar elenco colocar os atletas da categoria sub20 em campo na fase eliminatória da Copa do Nordeste que esse ano terá três fases de mata mata. O primeiro jogo será contra o Imperatriz-MA e conseguindo avançar enfrenta o Botafogo-PB, ambos em jogos únicos e fora de casa.

Somente na terceira fase do mata mata acontecem jogos de ida e volta, com adversário que ainda será definido.

Fonte: cidadeverde.com