• Oticas Floriano
  • Posto Aliança
  • Garoto
  • Farmaduty
  • Dario PAX
  • Posto Aliança
  • Oticas Floriano
  • Dario PAX
  • Garoto
  • Farmaduty

A Alemanha mantém 100% de aproveitamento no Grupo C das Eliminatórias para a Copa do Mundo. Neste sábado (8), a atual campeã mundial ratificou o favoritismo e bateu a República Tcheca, por 3 a 0, no Volksparkstadion, em Hamburgo. Thomas Müller (duas vezes) e Toni Kroos marcaram para a anfitriã.

530729d0cde3cf00693b86156150baebEliminatórias: Alemanha vence a República Tcheca; Inglaterra derrota Malta.(Imagem:Divulgação)

Foi a segunda vitória consecutiva do time comandado por Joachim Löw. Na rodada de estreia, os alemães bateram a Noruega fora de casa pelo mesmo placar. A equipe tem a mesma pontuação do Azerbaijão. Contudo, ocupa a liderança da chave por conta dos critérios de desempate. Os tchecos, por outro lado, têm apenas um ponto, conquistado na estreia, após igualdade com a Irlanda do Norte.

A Alemanha dominou o confronto desde o primeiro minuto. O entrosamento fez a diferença e o mandante criou as melhores chances. Özil, Götze, Draxler e Müller se movimentaram muito bem e fizeram o suficiente para abrir o placar no primeiro tempo. O atacante do Bayern de Munique foi quem abriu o placar. Ele aproveitou ótimo passe de Özil para estufar a rede de Vaclík.

A atual campeã mundial manteve o ritmo na volta do intervalo. Não é à toa que precisou somente de quatro minutos para ampliar o marcador. Toni Kroos recebeu passe de Kimmich e finalizou rasteiro no canto de Vaclík. O rolo compressor alemão finalizou as atividades com mais um gol de Thomas Müller. O artilheiro aproveitou cruzamento rasteiro de Hector e apareceu na área como um centroavante para marcar.

A República Tcheca limitou-se à defesa e até criou duas oportunidades – todas com Dockal. O centroavante finalizou de fora da área em ambas. Na primeira, Neuer fez boa defesa. Na segunda, a bola passou raspando a trave direita. E foi só!

Inglaterra vence Malta na estreia de Gareth Southgate

A Inglaterra recebeu a seleção de Malta no Estádio de Wembley e venceu apenas por 2 a 0. Isso graças ao goleiro Andrew Hogg, que salvou o que seria uma verdadeira goleada. Essa foi a estreia do técnico interino Gareth Southgate à frente dos ingleses. Ele chegou ao cargo após a demissão de Sam Allardyce, por conta de escândalos de corrupção.

Os ingleses começaram dominando as ações ofensivas da partida e tiveram muitas chances de abrir o placar, porém, esbarraram em más finalizações e nas defesas inspiradas do goleiro Hogg. Os donos da casa ainda perderam Bertand, que sofreu lesão muscular e foi substituído aos 18 minutos.

No entanto, a pressão deu certo. Aos 28 minutos, Henderson cruzou na cabeça de Sturridge, que nem precisou pular para mandar no canto esquerdo do gol e fazer 1 a 0. Aos 37, a Inglaterra trocou passes, Dele Alli chutou, Hogg defendeu e a zaga de Malta não tirou o rebote, que sobrou para o jogador do Tottenham completar para as redes e fazer 2 a 0.

Na segunda etapa, Hogg continuou salvando Malta de uma enorme goleada e a equipe mandante seguiu perdendo muitas oportunidades. A equipe de Southgate não conseguiu ampliar a vantagem e a partida terminou sem outros gols.

Na próxima rodada, a Inglaterra visita a Eslovênia, terça-feira, às 15h45 (de Brasília). Além dessas duas equipes, o Grupo F das Eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia também tem Escócia, Malta, Lituânia e Eslováquia.

Fonte: GOAL

  • Ada Atten
  • Rastek
  • Cabedo
  • Paraiba
  • Espeto e Cia
  • Blossom