• Garoto
  • Visual
  • Oticas Floriano
  • Construforte
  • Farmaduty
  • Paraiba
  • Dario PAX
  • Posto Aliança
  • floriano shop
  • Paraiba
  • Garoto
  • Visual
  • Posto Aliança
  • Farmaduty
  • floriano shop
  • Construforte
  • Dario PAX
  • Oticas Floriano

Em partida válida pela volta das oitavas de final da Copa Libertadores da América 2021, o Palmeiras venceu a Universidad Católica, do Chile, por 1 a 0, no Allianz Parque, em São Paulo. Marcos Rocha foi o autor do gol que assegurou a passagem da equipe para a próxima fase do torneio.
Agora, o Verdão irá protagonizar o clássico Choque-Rei nas quartas de final da Libertadores, diante do São Paulo. Como teve a melhor campanha na fase de grupos, os comandados de Abel Ferreira irão decidir a vaga em casa, no Allianz Parque. As datas das partidas ainda não foram definidas.

60f8ac52b6a8bVerdão embalou oito vitórias consecutivas na temporada (Foto: Sebastiao Moreira / POOL / AFP)

PÉREZ NEUTRALIZA BLITZ DO VERDÃO

A Universidad Católica começou a partida apostando em jogadas de bolas paradas. Aos 8 minutos, após cobrança ensaiada, Zampedri emendou um voleio na área. A bola foi no meio do gol e Weverton agarrou com tranquilidade.

O Palmeiras retomou o controle e emendou ao menos quatro chances de abrir o placar. Aos 14, em boa jogada belo lado esquerdo. Gustavo Scarpa foi até a linha de fundo e cruzou para Deyverson. O centroavante conseguiu leve desviou, e a bola passou ao lado da trave.

Na segunda, Wesley invadiu a área e chutou forte. Pérez fez boa defesa, e no rebote, Deyverson acertou voleio no travessão. Dois minutos depois, o camisa 11 recebeu lançamento primoroso de Danilo, ficou sozinho com o goleiro, que fez ótima intervenção. No escanteio, Pérez salvou cabeceio de Deyverson.

DE TANTO MARTELAR, A BOLA ENTROU

A equipe brasileira tinha total controle da partida, enquanto os Cruzados encontravam dificuldades na recomposição defensiva e na construção de jogadas. Com tantas chances construídas, o Palmeiras abriu o placar aos 35 minutos da primeira etapa.

Da esquerda, Wesley cruzou na área para Raphael Veiga. O meia pegou de primeira e a bola explodiu na trave. Marcos Rocha aproveitou o rebote e inaugurou o placar para os mandantes.
ROTEIRO SE REPETE NO SEGUNDO TEMPO

Após o intervalo, o Palmeiras seguia com o controle da partida, mas a equipe diminuiu o ritmo e trocava mais passes, enquanto a Católica depositava suas fichas nas jogadas aéreas.

Aos 8 minutos, Marcos Rocha cruzou na área. A bola passou por tudo mundo e Renan completou de primeira. Mais uma vez, a bola parou na trave.

Depois dos dez primeiros minutos da etapa final, o técnico Gustavo Poyet fez alterações em sua equipe visando conquistar a classificação.

MONÓLOGO ALVIVERDE

Abel Ferreira responde e também mexeu em sua equipe. Após as alterações, o Verdão voltou a causar perigo aos chilenos. Zé Rafael recebeu passe de Breno Lopes, mas parou em ótima defesa de Pérez. Cinco minutos depois, Dudu serviu Deyverson, que teve seu chute travado pela defesa.

Nos dez minutos finais, o Palmeiras anulou as investidas chilenas e garantiu a classificação às quartas de final com certa tranquilidade.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 1 X 0 UNIVERSIDAD CATÓLICA
Data: 21 de Julho de 2021, quarta-feira
Horário: 19h15 (horário de Brasília)
Local: Allianz Parque, em São Paulo-SP
Árbitro: Alexis Herrera-VEN
Assistentes: Carlos López-VEN e Jorge Urrego-VEN
VAR: Jhon Ospina-COL
Público/renda: Portões Fechados
Cartões amarelos: Marcos Rocha, Felipe Melo, Dudu, Renan e Weverton (PAL); Parot e Zampedri (UCT)
Cartões vermelhos:
Gol: Marcos Rocha (37'/1ºT) (1-0)

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha (Mayke, 22/2ºT), Felipe Melo (Kuscevic, 36/2ºT), Gustavo Gómez e Renan; Danilo, Zé Rafael, Gustavo Scarpa e Raphael Veiga (Dudu, 22/2ºT); Wesley (Breno Lopes, 22/2ºT) e Deyverson (Gabriel Veron, 41/2ºT). Técnico: Abel Ferreira

UNIVERSIDAD CATÓLICA: Sebastián Pérez; Rebolledo (Asta-Buruaga, 11/2ºT), Lanaro, Huerta e Parot (Montes, 29/2ºT); Felipe Gutiérrez (Buonanotte, 29/2ºT), Saavedra (Francisco Silva, 11/2ºT) e Leiva (Marcelino Núñez, 10/2ºT); Fuenzalida, Zampedri e Diego Valencia. Técnico: Gustavo Poyet.

Fonte: Lancenet