• Garoto
  • Posto Aliança
  • Dario PAX
  • Paraiba
  • chopp sabora
  • Oticas Floriano
  • Jorge
  • Construforte
  • Farmaduty
  • Construforte
  • Garoto
  • Dario PAX
  • Paraiba
  • Farmaduty
  • Oticas Floriano
  • Jorge
  • Posto Aliança
  • chopp sabora

A atriz Françoise Forton morreu neste domingo no Rio de Janeiro, aos 64 anos, em decorrência de um câncer. A informação foi confirmada por seu empresário, Marcus Montenegro, em rede social.

19d29548c62af9d0e1387741afa39bf6Foto: AgNews

Forton ficou conhecida por atuar em novelas como "Estúpido Cupido", "Explode Coração" e "Por Amor", na TV Globo. Seu último trabalho na televisão foi na Record, em 2019, em "Amor sem Igual".

Filha de um francês e uma brasileira, Forton nasceu no Rio de Janeiro e ganhou seu primeiro papel de destaque em 1974, na novela "Fogo sobre Terra". Estourou de vez como a protagonista de "Estúpido Cupido", dois anos depois, interpretando uma jovem que buscava sair de sua cidadezinha para se tornar miss.

Depois de um período afastada da TV, se consagrou interpretando vilãs como a Helena de "Tieta", a Caroline de "Perigosas Peruas" e a Eugênia de "Explode Coração".

Também teve papéis em novelas de destaque como "Meu Bem Meu Mal", "O Clone", "Quatro por Quatro", "Amor à Vida" e "I Love Paraisópolis". No teatro, se dedicou a peças românticas como "Nós Sempre Teremos Paris" e "Um Amor de Vinil". No cinema, atuou em filmes como "Marcelo Zona Sul", de 1970, "Jardim de Alah", de 1988, e "Coração de Cowboy", de 2018.

Nas últimas décadas, assinou contratos com o SBT, onde atuou em tramas como "Os Ricos Também Choram", e com a Record, onde se despediu da televisão.

Forton já tinha tido um câncer de útero no final da década de 1980. Era casada com o produtor cultural Eduardo Barata e mãe do empresário Guilherme Viotti.
Famosos lamentam

Com a notícia, famosos lamentaram a morte da atriz nas redes sociais.

A atriz Cristiana Oliveira compartilhou uma foto de Françoise no Instagram e lembrou que teve a oportunidade de ter trabalhado com ela em uma novela na TV Globo. " Linda, querida, amável tive a oportunidade de trabalhar com ela em 'Quatro por Quatro", ótima colega. Vai com Deus !!! Que Ele te receba de braços abertos."

Beth Goulart também compartilhou uma foto da artista e escreveu uma longa mensagem de despedida no Instagram. "Hoje nossa amada Françoise Forton virou estrela. Descansou de uma luta interminável contra um câncer, ela foi uma guerreira. Deixou para nós sua história de vida de amor à arte de representar nos palcos e na televisão."

A atriz falou que Françoise fez parte da história de todos que acompanharam seus trabalhos inesquecíveis, talento, sorriso largo e coração grande. " Françu como era chamada por nós seus amigos vai deixar muita saudade, era mais uma irmã que a arte me deu e que a amizade alimentou", escreveu Beth.
O ator Ary Fontoura publicou uma foto da atriz e deixou uma mensagem para os familiares. "Descanse em paz minha querida Françoise Forton. Meus sinceros ao Eduardo [marido da atriz] e toda família."

A atriz Alexandra Ritcher também compartilhou uma foto da atriz e disse que ela é mais uma estrela vai brilhar no céu. "Meus sentimentos e desejo de força para [o marido] Eduardo Barata querido e [o filho] Guilherme Viotti. Francoise partiu para uma nova vida e hoje minhas orações serão para que os Anjos do Senhor a recebam com muito amor."
Fonte: Folhapress

 

O governador do Piauí, Wellington Dias (PT), diz que a proposta defendida pelo presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), não resolve o problema do aumento nos preços dos combustíveis no país.

cf6d7fcb26b1f9a0f376e9c02cecb820Foto: Roberta Aline/ Cidadeverde.com

A manifestação de Dias é uma resposta a postagem de Lira em que ele cobra governadores e o Senado Federal pela alta nos preços e afirma que a Câmara fez sua parte ao aprovar a mudança da cobrança do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços).

Dias argumenta que o texto aprovado na Câmara, e parado no Senado, foi feito "sem qualquer diálogo ou base técnica". Segundo ele, o modelo proposto por Lira não resolve o problema e ainda causará, se aprovado, desequilíbrio entre os estados e municípios.

"Basta examinar o tamanho do lucro da Petrobras para saber quem está ganhando nesta falta de entendimento", afirmou o governador.

No Twitter, Lira citou Dias ao dizer que os governadores miram as eleições ao cobrar do Congresso uma solução para as seguidas altas depois de resistirem a sua proposta de mudança via ICMS.

O governo federal e governadores trocam acusações sobre o aumento nos preços. O governo federal culpa os estados pelo ICMS e os chefes dos executivos estaduais indicam os reajustes da Petrobras como responsáveis.

Os governadores anunciaram na sexta (14) o descongelamento do ICMS, o que pode resultar em novo aumento. A Petrobras, por sua vez, no último dia 11 de janeiro, reajustou o preço da gasolina e do diesel.

 

POR FÁBIO ZANINI
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS)

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) retoma nessa segunda-feira (17), os cinco pontos de drive-thru para a vacinação contra Covid-19. Os locais estarão abertos até a sexta-feira (21), no horário das 9h às 17h.

641e274e140a4fa744e372fb0e7df074Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com

Segundo a FMS, os postos estão instalados nos terminais Zoobotânico, Buenos Aires, Livramento e Parque Piauí, além do CEU Norte, na Santa Maria da Codipi.

Nestes locais, serão contemplados também os seguintes públicos:

1ª dose para pessoas de 12 anos e mais, dose de reforço (respeitando intervalo mínimo de quatro meses da última dose);
2ª da vacina da Pfizer (respeitando intervalo mínimo entre as doses de 3 semanas), Astrazeneca e Coronavac (respeitando intervalo mínimo de 4 semanas para ambos os imunizantes);
Dose de reforço (respeitando intervalo mínimo de quatro meses da última dose);
Dose adicional para imunossuprimidos (com intervalo de 28 dias da última dose).
Emanuelle Dias faz um alerta para que as pessoas que vão tomar a vacina esta semana aguardem um pouco caso estejam sentindo algum sintoma gripal.

“A vacinação contra a covid-19 deve ser adiada caso a pessoa apresente sintomas gripais ou quadros febris. Para que a imunização seja feita, é importante que o quadro de saúde esteja normalizado”, diz.

Agendamento para crianças

Ainda nessa segunda-feira (17), a FMS abre os agendamentos para a vacinação de crianças de cinco a 11 anos na capital. Inicialmente, serão contemplados os meninos e meninas com comorbidades ou deficiência permanente.

Os agendamentos serão feitos através do site Vacina Já. A vacina a ser aplicada será a versão pediátrica do imunizante da Pfizer/Comirnaty, em duas doses – com intervalo de oito semanas entre a primeira e segunda dose.

No momento da vacinação será necessário apresentar CPF ou Cartão do SUS e uma comprovação da comorbidade e/ou deficiência permanente. Os pais ou responsáveis devem estar presentes manifestando sua concordância com a vacinação.

Em caso de ausência de pais ou responsáveis, a vacinação deverá ser autorizada por um termo de assentimento assinado por eles.

 

Fonte:cidadeverde.com

A Pfizer entregou neste domingo (16), no aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), mais 1,2 milhão de doses das vacinas pediátricas compradas pelo Ministério da Saúde.

6c60c3e9da04f35433623b62c0dae108Foto: Ascom Sesapi

A entrega do segundo lote de imunizantes foi antecipada pela empresa, já que as vacinas só chegariam ao Brasil no dia 20 de janeiro. A antecipação, porém, permitirá que os estados recebam as doses até terça-feira (18).

"Depois de completar o esquema vacinal contra a Covid-19 de mais de 145 milhões de pessoas a partir dos 12 anos, o Brasil recebe, agora, reforço para a imunização das crianças de cinco a 11 anos. Mais 1,2 milhão de doses da Pfizer desembarcaram no país na manhã deste domingo", afirma o Ministério da Saúde por meio de nota.

A primeira remessa de vacinas pediátricas, também composta por 1,2 milhão de doses, chegou ao país na última quinta-feira (13) e foi distribuída aos estados e o Distrito Federal. Por conta dos imunizantes, 11 capitais já começaram a imunização do público infantil.

A vacinação já começou em:

 

Aracaju (SE);
Belo Horizonte (MG);
Campo Grande (MS);
Florianópolis (SC);
Fortaleza (CE);
João Pessoa (PB);
Recife (PE);
Salvador (BA);
São Luís (MA);
Vitória (ES);
Brasília (DF)

Fonte: Folhapress