• Oticas Floriano
  • Garoto
  • Paraiba
  • Posto Aliança
  • Dario PAX
  • Dario PAX
  • Garoto
  • Posto Aliança
  • Paraiba
  • Oticas Floriano

Qualquer procedimento cirúrgico causa preocupação e tensão por mais simples que seja. Qualquer procedimento cirúrgico é tranquilo quando o acolhimento é feito pela Iran, do Hospital de Olhos Vilar. Com o seu sorriso, seu carisma, educação e forma de orientar ss pessoas, ela consegue deixar calmo o mais nervoso do paciente.Imagem do WhatsApp de 2024 07 10 às 10.03.02 c15e3c97 Falo por experiência própria, considerando que no último dia 08 fui sobmetido a uma cirurgia de catarata naquela instituição de saúde e o atendimento feito pela Iran é tudo isso e muito mais. Ela consegue deixar próximos pacientes e colaboradores do hospital, de maneira que se não fosse a diferença na vestimenta seria difícil de saber quem é paciente  e quem é funcionário no pré-operatório. O mais incrível é que ela consegue descontrair sem distrair, trabalhar sorrindo com muita seriedade. É algo que só vendo para crer. A simpatia da Iran literalmente salta aos olhos. Parabéns pra você pela maneira de trabalhar e parabéns ao hospital por ter nos seus quadros uma colaboradora tão dedicada como você. 

Da redação

Filha de um cearense com uma teresinense, Constância Gomes foi e entrevistada dessa terça-feira(09) no jc24horas. Por mais de 30 minutos ela falou sua história de muito sofrimento provocado pelas perdas do pai, dois irmãos, um filho e uma neta. As mortes desses entes queridos aconteceram quase amiúde, num espaço de aproximadamente dois anos e numa ordem decrescente de idade.Imagem do WhatsApp de 2024 07 09 às 05.40.18 38228e13 Nossa entrevistada foi mãe aos 16 anos, não teve tempo pra se divertir na adolescência assumindo responsabilidades muito cedo, sendo avó também jovem considerando que o seu filho teve sua primeira filha aos 17 anos de idade. A sequência de mortes dos seus entes queridos foi o principal motivo dessa entrevista, não somente pelo fato de perder o pai, dois irmãos, um filho e uma neta, mas acima de tudo pela forma como ela tem conseguido forças para seguir em frente diante de tantas perdas. Na ordem cronológica da vida, é de se esperar que os filhos sepultem os pais, mas no caso da nossa entrevistada, ela sepultou inclusive uma neta, além do único filho.
Confira a entrevista na íntegra e compartilhe da emoção e aprendizado que esta entrevista proporciona.

Da redação

No nosso quadro de entrevistas que vai ao ar de segunda a sexta-feira, sempre as 20h nós vamos conversar com o amigo de infância Édson Bezerra. Ele é engenheiro civil e construiu uma história de vida com o seu doutorado em engenharia da boa convivência, através de uma educação esmerada que foi proporcionada pela sua mãe Serrate, que assumiu o comando da casa com a morte do marido, o Sargento Edilson, músico da banda de música da PMPI.

Imagem do WhatsApp de 2024 07 10 às 01.44.48 0ea7b50f

Sendo bela e muito jovem com apenas 20 anos de idade, Serrate tinha todos os requisitos para contrair um novo matrimônio e com isso adquirir um "pai" para ajudar na educação dos dois filhos George e o nosso entrevistado Édson. Inteligente e determinada, a mãe do nosso entrevistado decidiu contrair matriônio com o conhecimento numa igreja chamada universidade, fazendo com que os filhos tivessem um exemplo que pudessem seguir e assim aconteceu, de maneira que eles contrairam o mesmo matrimônio tornando se uma família composta por uma educadora educada que já cumpriu a sua missão e hoje desfruta dos ócios do ofício, um advogado, paraquedista e multifacetado de nome George e o nosso convidado Édson, engenheiro que será entrevistado hoje às 20h pelo repórter Temístocles Filho, através da página do jc24horas no facebook.

Da redação

Como acontece todas as quartas-feiras e todos os sábados, hoje tem reunião do grupo de Alcoólicos Anônimos no colégio Getúlio Vargas, com o início às 19h e término às 21h. Alcoólicos Anônimos é uma irmandade formada por homens e mulheres que tiveram problemas relacionados ao consumo de bebidas alcoólicas e juntos buscam uma vida de sobriedade através das reuniões de autoajuda, evitando o primeiro gole pelo prazo de 24 horas, vivendo um dia de cada vez. Se você acha que tem problemas com as bebidas alcoólicas, ou conhece alguém que tenha, visita o grupo e participe da reunião.

WhatsApp Image 2018 10 16 at 05.50.14 1

Da redação

 

 

 

  • Cabedo
  • Ada Atten
  • Espeto e Cia