• Farmaduty
  • Casa dos frios
  • Posto Aliança
  • Garoto
  • Oticas Floriano
  • Dario PAX
  • Posto Aliança
  • Oticas Floriano
  • Farmaduty
  • Dario PAX
  • Garoto
  • Casa dos frios

Lavadeiras de roupas conseguem faturar até R$ 5 mil nas lavanderias comunitárias de Teresina, é o que afirma a prefeitura. Atualmente, 150 mulheres vivem do dinheiro arrecado com a atividade nas oito lavanderias comunitárias da capital. O salário depende da produção de cada uma.

lavanderiasdentroLavadeiras de roupa conseguem faturar até R$ 5 mil em Teresina.(Imagem:Wilson Filho)

Dona Maria da Cruz, por exemplo, conseguiu criar três filhos com o que ganha pela sua produção. “Trabalho na lavanderia há 17 anos. Quando comecei os meus filhos eram muito pequenos. Criei eles trabalhando aqui dentro. Eu gosto de trabalhar aqui, minha renda vem daqui, e esse lugar já faz parte da minha vida e da minha história”, afirmou a lavadeira.

As lavanderias são apoiadas pela Prefeitura de Teresina, através da Semest. A administração municipal garante a estrutura e as consultorias necessárias para que as atividades sejam executadas com qualidade. A prefeitura anunciou, inclusive, que vai reformar três unidades: Ladeira do Uruguai, Santa Isabel e São Pedro. Ao todo, serão investidos cerca de 145 mil reais, recursos próprios do município. As três já foram licitadas e aguardam a ordem de serviço para que as melhorias sejam executadas.

Como funcionam

O tempo de entrega das roupas varia da quantidade que o cliente deixa na lavanderia. Por exemplo, se a pessoa deixar acima de 80 peças, ela vai receber tudo lavado e passado em 3 ou 4 dias. Já em quantidade menor, o prazo de entrega é de 1 a 2 dias. As Lavanderias Comunitárias funcionam de segunda a sábado, das 7 às 18 horas.

Onde encontrar?

-Satélite - Rua Branca, 4040
-Morada do Sol - Rua Desembargador Fernando Sobrinho, 4742
-Ininga - rua José Alves, 2330
-Planalto Uruguai - Rua principal com a Rua 02
-Três Andares - Rua Oriente s/n
-Parque Piauí - Rua 25 de agosto 1049
-São Pedro - Rua Murilo Braga, 820
-Marquês - Rua Amazonas, 2564.

 

Fonte:cidadeverde.com

O limite de gastos com o Programa Seguro Emprego (PSE) subiu para  R$ 327 milhões neste ano de 2017, segundo decreto presidencial publicado ontem (1º) no Diário Oficial da União. Inaugurado em 2015, o Programa permite às empresas a redução da jornada de trabalho de seus funcionários em até 30%, com redução proporcional dos salários. Parte da diferença salarial é parcialmente compensada pelo governo, que paga ao trabalhador 50% da perda, com recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT). O problema é que o fundo já está deficitário. Até 2016, os gastos do programa somaram cerca de R$ 170 milhões.

industria da transformacao6Governo autoriza mais recursos para o Programa Seguro Emprego.(Imagem:Divulgação)

 

Fonte:cidadeverde.com

A Receita Federal estima que 230 mil contribuintes devem enviar a declaração do Imposto de Renda no Piauí. Em entrevista ao Notícia da Manhã desta quinta-feira (2), o contador Elias Caddah chamou atenção dos contribuintes para dois pontos: a exigência do CPF dos dependentes maiores que 12 anos (completados até 31 de dezembro de 2016) e a obrigatoriedade de declarar todos os bens, inclusive os financiados e os vendidos em 2016.

cpfVeja o que muda nas declarações do IR deste ano.(Imagem:Divulgação)

"O rigor é maior ano após ano. Havia casos em que o pai e a mãe declaravam o mesmo filho como dependentes e agora, com a obrigatoriedade do CPF do dependente maior de 12 anos, a Receita analisará os dados mais rapidamente. Vale lembrar que os médicos também terão os dados cruzados com as declarações dos pacientes a partir deste ano", completou o contador.

Para tirar o CPF das crianças, o responsável deve comparecer pessoalmente às agências dos Correios, Caixa Econômica e Banco do Brasil, com os documentos pessoais das crianças e o do responsável. A taxa é de R$ 7.

De olho nas deduções

Os gastos com educação são dedutíveis até o limite de R$ 3.561,50, mas o limite por dependente é de apenas R$ 2.275,08. Não podem ser declarados gastos com material escolar e cursinhos de pré-vestibular.

Gastos com empregados domésticos têm o limite de R$ 1.093,77.

Para saúde não há limite. Porém, não são dedutíveis gastos com medidamentos, mesmo os de uso contínuo. Podem ser declarados gastos com médicos, fisioterapeutas, psicólogos, tratamentos, etc.

Bens declarados

Elias Caddah reforça que todos os bens devem ser declarados no Imposto de Renda - inclusive os que foram vendidos e os que são financiados.

"Tem que colocar o valor das parcelas já pagas porque a empresa ou construtora que vendeu o imóvel também está fazendo a declaração. Este é um dos erros que faz o contribuinte cair na malha fina. Dessa mesma forma, os que venderam imóveis devem declarar, com o CPF do comprador e o valor recebido pelo bem, mesmo que o dinheiro tenha sido usado para a compra de outro bem", explica Caddah.

 

Fonte:cidadeverde.com

A Secretaria de Segurança divulgou o relatório da Operação Carnaval 2017 em que focaram as ações em pelo menos nove cidades do Piauí, que apresentaram maior concentração de foliões. Em comparação ao ano passado, o período foi considerado menos violento, com a redução no número de homicídios e de roubos e furtos, no entanto, aumentou o número de estupros e de roubos de veículos tanto em Teresina quanto no interior.

c777b18fd8efdd0cb137ffaea56b3548Segurança divulga resultado da operação Carnaval; veja números.(Imagem:Divulgação)

A polícia registrou seis homicídios, sendo sete a menos que ano passado. Em Teresina foi um assassinato enquanto no interior ocorreram os outros cinco em Água Branca, Piripiri, Floriano, Barras e Parnaíba. Já o número de estupros aumentou de dois para três, sendo dois registrados na capital e um em Luís Correia.

Em relação aos roubos foram 226 registrados esse ano contra 331 em 2016 e os furtos 341, 40 a menos que o ano passado. O aumento ocorreu no número de roubo de veículos que foi 53 contra 48 no mesmo período do ano anterior.

Os dados também avaliaram a atuação do Corpo de Bombeiros, que registraram 77 ocorrências sendo que 65% foram no litoral do Estado, atuando principalmente na prevenção ao afogamento, que foram registrados 12 inícios que conseguiram impedir. Na capital, a maior ocorrência foi de queda de árvore por conta das tempestades.

"Os dados mostram que esse foi o Carnaval mais tranquilo do Piauí nos últimos três anos. Tivemos redução recorde no número de homicídios. Em 2014, por exemplo, tivemos 14 homicídios e esse ano seis homicídios durante todo o período. O planejamento que contou com a ação da Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Polícia Rodoviária Federal foi um sucesso, principalmente, para as pessoas que visitaram o litoral piauiense", disse Fábio Abreu, secretário estadual de Segurança.

 

Fonte:cidadeverde.com

  • Ada Atten
  • Cabedo
  • Rastek
  • Espeto e Cia
  • Paraiba