O líder do governo no Senado, Romero Jucá (MDB-RR) disse à Agência Brasil nesta sexta-feira (1º) que a saída de Pedro Parente da presidência da Petrobras não significará uma mudança radical na política de preços da estatal.

e246b4ae55575ecb02ba17b140e151cbFoto: Revista Fórum

“Não haverá mudança radical. O que a gente tem defendido é a construção de um sistema de política de preço que dê previsibilidade. Eu acho que a falta dessa previsibilidade foi a grande falha desse sistema, que funcionaria em situações normais, em que o aumento no preço do barril do petróleo fosse eventual. Com essa vulnerabilidade do barril do petróleo, com essa crise internacional com Oriente Médio, todo dia é uma gangorra. Isso cria uma distorção da política que eles fizeram que é de ação e reação”, avaliou.

Jucá aposta que Parente será substituído por um nome técnico. “A linha traçada para a Petrobras pelo governo, de recuperação da estatal, vai continuar. O governo vai ter responsabilidade com a Petrobras. Temos que ajustar a conjuntura sem perder a política de recuperação da empresa. O governo não vai tirar um técnico e colocar um politico, não vai manipular o preço do combustível”, afirmou.

Como solução para alta do preço dos combustíveis, Romero Jucá defendeu a criação de uma Câmara de Compensação, que defina valores máximos e mínimos, além da busca da redução tributária. “Eu acho que mais de 50% do preço do combustível ser imposto é muito pesado . O governo está reduzindo PIS e Cofins, defendo redução de ICMS, mas tudo isso vai ser discutido com calma; não pode ser de forma açodada”, ponderou.

Para o líder do governo, Parente fez um grande trabalho e agiu com grandeza pensando na Petrobras e no país. “É um excelente quadro, alguém diferenciado que teve reciprocidade com a Petrobras e com o país."

Sensibilidade política

A senadora Simone Tebet (MDB-MS) também teceu elogios a Pedro Parente, mas disse que a falta de "sensibilidade política” do ex-presidente da Petrobras fez com que ele perdesse o cargo. “O que sobrou nele de gestão, competência e credibilidade faltou em sensibilidade política. Num momento de crise, em que precisávamos do entendimento de que a Petrobras é do povo brasileiro, Parente não soube conduzir o processo, tornando sua permanência insustentável.”

A senadora acrescentou que a estatal é autônoma e “deve continuar tendo liberdade na política de preços”, mas, ao criticar os reajustes diários, defendeu que “a empresa precisa estar em sintonia com o momento econômico de recessão do país”.

Na contramão de Jucá, a sendora defendeu um nome político para comandar a empresa. “Sobre o futuro da Petrobras, entendo que o sucessor precisa ser um gestor político. Que seja competente e experiente, mas, acima de tudo, político – para entender que a Petrobras, embora tenha autonomia administrativa, é uma estatal que pertence ao povo brasileiro”, afirmou.

Fonte: Agência Brasil

Oito postos de combustíveis foram notificados pelo Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) em Teresina. A fiscalização começou na última terça-feira (29) e encerrou nesta sexta com dois postos autuados na zona Sul e outros seis na zona Leste, por cobrança abusiva no preço da gasolina. Ao todo, foram fiscalizados 38 postos de combustível.

69fd8f1671f0f385a9603f6b0d333eee Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

"Foram notificados os postos que cobraram acima de R$ 4,80 pelo combustível. É verificado o valor cobrado em relação as alterações do governo e todos os postos autuados terão um prazo de 15 dias para fazer a defesa e justificar a cobrança do valor", explicou o coordenador de fiscalização do Procon, José de Arimateia Arêa Leão.

A fiscalização foi provocada pela alta variação de preços cobrados na gasolina e óleo diesel, durante a greve dos caminhoneiros pelo país. Em Teresina, longas filas se formaram em vários postos da capital. Pessoas precisaram dormir na espera por combustível para abastecer seus automóveis.

O caso dos oito empreendimentos será enviado à Receita Estadual. Eles poderão ser autuados e multados em até R$ 6 milhões, segundo o Procon.

Óleo Diesel

A fiscalização se concentrará agora no valor cobrado pelo óleo diesel. Para tentar encerrar a greve dos caminhoneiros, o Governo Federal sancionou na quarta-feira a lei que prevê a reoneração da folha de pagamento de setores da economia e, assim, reduzir em R$ 0,46 o preço do litro do diesel, como foi anunciado em acordo com o grupo grevista.

O litro do diesel deve ficar R$ 0,46 mais barato a partir desta sexta-feira (1º), segundo o governo, mas o preço só deve aparecer nas bombas nos próximos dias, segundo o Procon, porque o valor é praticado no estoque que ainda vai chegar.

 

Fonte:cidadeverde.com

Lidiane Shayuri usou sua conta no Instagram, nesta sexta-feira (1), para contar que sofreu assédio. Após receber uma foto de um rapaz nu, a apresentadora do "Fala Brasil", da Record TV, o expôs.

0036e9e0754ddb0d109b6b17ac08bb53Lidiane Shayuri denunciou rapaz em seu Instagram

"Por favor, quem conhecer esse tal Danny, ou o próprio, se chegar a ver essa publicação, faça um favor: deem um recado a esse covarde, assediador e imbecil: 'Cara, ninguém aqui pediu foto íntima por direct!”, denunciou a jornalista.

E não parou por aí: “Por que será que algumas pessoas enviam imagens íntimas sem solicitação? Será que você não tem filha, amiga, irmã ou mãe? Nunca parou para pensar o que acharia se uma delas recebesse uma foto nojenta dessas iguais às que enviou?!".

Shayuri ainda disse q tomaria uma medida mais drástica. "Você é um idiota! Vou denunciar seu perfil! E mulheres, não vamos nos calar! Não podemos aceitar essa atitude ridícula! Revoltante!", completou.

 

Fonte:Famosidades

Uma equipe do Sindicato do Comércio Varejista de Floriano esteve por três dias na cidade de Bonito, estado do Mato Grosso paarticipando de um encontro que reúne os sindicatos da categoria em todo o Brasil, com o objetivo de adquirir novos conheciimentos que serão repassados para os sócios numa reunião que acontecerá na próxima semana em Floriano. As informações foram passadas pelo Presidente do Sicomércio Conegundes Gonçalves de Oliveira, em entrevista concedida na manhã de hoje ao portal jc24horas.

WhatsApp Image 2018 06 01 at 16.47.48Conegundes Gonçalves de Oliveira. (Imagem:Temístocles Filho/jc24horas)

O nosso entrevistado disse que esse encontro acontece anualmente em estados diferentes da federação, Floriano já participou de vários desses encontros e sempre trouxe bons conhecimentos para serem colocados em prática junto ao comércio local. Confira a vídeo-reportagem

Da redação

  • Cabedo
  • Ada Atten
  • Espeto e Cia
  • Paraiba
  • Blossom