A atriz e cantora Mariana Rios, 34, teve de cancelar seu casamento por causa da pandemia do novo coronavírus. Segundo ela, uma nova data ainda não foi definida, mas isso não é um problema. Ela é noiva de Lucas Kalil.

mariana9Fotos: Reprodução/instagram/@marianarios

"Nunca fiquei triste por ter que desmarcar a data do casamento. Minha preocupação era com o que o mundo iria viver a partir daquele momento. O que as pessoas iriam passar e como eu poderia ajudar", diz.
Segundo ela, a ideia agora é ajudar outras mulheres que também tiveram de adiar o casamento. Em suas redes sociais, escreveu em apoio a quem teve a festa de matrimônio cancelada.

"Sei que muitas noivas estão passando pela mesma situação e gostaria de dizer algo. O casamento é a união de duas pessoas que escolheram passar pela vida juntas. A festa é apenas a comemoração dessa união. O mais importante agora é você ser grato por estar vivo."

Para a cantora, o que importa agora é a fé e o otimismo. "Sempre busco muito por Deus. Converso com ele, faço músicas e canto para ele. Eu sou uma pessoa muito positiva e procuro olhar o lado bom de tudo. Acredito que a vida é um eterno aprendizado e que evoluímos a cada situação que passamos aqui", reflete.
Focada na carreira musical, ela lançou em 2019 seu primeiro EP, "Eu e Você", que contém quatro músicas de pop acústico. Foram dez anos de hiato de seu primeiro e único álbum, "Mariana Rios", que contém 15 músicas.

Mariana já mostrou diversas facetas na televisão. Atuou em várias novelas e peças de teatro e foi apresentadora e repórter. Após passar dez anos na Globo, Mariana Rios deixou de lado a carreira de atriz para se dedicar à carreira musical. Sua última atuação foi uma participação, como ela mesma, na novela "Totalmente Demais" (Globo, 2015-2016).

Fonte: Folha Press

No boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde desta quinta-feira (28), sobre a Covid-19, foram registradas mais oito mortes pela doença no estado. Com isso, o Piauí totaliza 146 mortes relacionadas ao novo coronavírus.

WhatsApp Image 2020 05 28 at 19.24.35

Entre os pacientes que faleceram estão seis pessoas do sexo masculino e duas do sexo feminino. Os homens tinham 39 anos, 55 anos, 71 anos, 72 anos, 75 anos, (Teresina) e um de 84 anos (Luis Correia). Além deles, uma mulher de 40 anos (Teresina) e outra de 74 anos (Luis Correia) também não resistiram às complicações de Covid-19. Todos possuíam comorbidades.

A Sesapi também confirmou 260 novos casos da Covid-19 no Piauí. São 121 homens e 139 mulheres, com idades que variam entre 9 meses a 102 anos. As mulheres são maioria no percentual de casos confirmados e representam 52% das pessoas com o novo coronavírus no estado. Os homens, embora se contaminem menos, morrem mais e representam 64,4 % dos casos de mortes registradas no estado.

No momento, 161 pessoas necessitam do uso de respiradores no estado. São 158 em leitos de UTI e três em leitos de estabilização. E outras 336 pessoas estão internadas em leitos clínicos nas unidades de saúde da capital e interior.

O boletim desta quinta, 28, registra ainda 16 pacientes recuperados da Covid-19, totalizando 438 o número de pessoas que tiveram alta e são consideradas curadas da doença. A maioria dos casos positivos, no entanto, apresenta sintomas leves e o paciente fica em isolamento domiciliar.

Alagoinha do Piauí, Campinas do Piauí, Campo Largo, Caraúbas, Curralinhos, Isaias Coelho, Santa Filomena, São Miguel do Tapuio e Simões registraram os primeiros casos do novo coronavírus, somando 156 a quantidade de municípios atingidos pela pandemia.

O Piauí possui 4503 casos confirmados de Covid-19 e 146 óbitos em decorrência da doença.

 

Fonte:Ascom/Sesapi

A Justiça determinou a penhora dos cachês dos shows do cantor Xanddy, do grupo Harmonia do Samba, para pagar uma dívida do artista de R$ 5,5 milhões com a empresa South América Serviços e Assessoria Logística. O processo tramita desde 2005 e se refere ao não pagamento por parte do cantor e de sua mulher, Carla Perez, dos valores acordados para a compra de um imóvel, localizado na cidade de Lauro de Freitas, perto de Salvador, que seria da empresa.

3441a798b3c0318261c389b981cc2869Fotos: Reprodução/instagram/@xanddy

O casal vai recorrer da decisão. Segundo Leandro Neves, advogado de Xanddy e Carla, os artistas suspenderam o negócio e se recusaram a efetuar o pagamento quando descobriram que a South América não seria a verdadeira proprietária do imóvel.

"A South América jamais apresentou a escritura do imóvel que lhe outorgava direito a propriedade, nem mesmo a certidão da matricula, em que constasse como proprietária, mas apenas um contrato particular firmado com o verdadeiro proprietário em que este supostamente passava à empresa os direitos sobre o imóvel", afirmou o advogado. De acordo com Neves, Xanddy e Carla decidiram cancelar a negociação ao ficarem sabendo que a empresa era questionada judicialmente pelo antigo proprietário em relação ao contrato em que a South América teria adquirido os direitos sobre a propriedade.

O advogado afirmou que, com o objetivo de minimizar os prejuízos, Xanddy e Carla ingressaram com uma ação judicial para anular o contrato com a South América. Esse processo ainda está em andamento. Além disso, Neves afirmou que o casal vai entrar com uma ação criminal contra a empresa por estelionato.
"Estamos aguardando a decisão da anulação do negócio para automaticamente ser dado baixa na execução, porém esse tempo é da Justiça, não nosso. Enquanto isso, eles seguem pressionando, querendo fazer acordo e até chantageando a colocar o caso na imprensa, o que estão fazendo, com decisões temporárias de embargos e outras", afirmou o cantor.

Mohamad Fahad Hassan, advogado da South América, nega irregularidades na negociação do imóvel. "A empresa South adquiriu o imóvel por meio de contrato de cessão de direitos celebrado com o antigo proprietário, e na sequencia negociou esses mesmos direitos com o Alexandre [Xanddy] e a Carla Perez. [...] O contrato que eles assinaram é claro e expresso e contém todas essas informações, e eles foram assessorados pelos seus advogados. Essa alegação de que foram vítimas de um golpe é uma retórica pueril e que não resiste à mínima leitura do processo", afirmou.

Segundo o que teria sido acordado, o casal deveria pagar pelo imóvel cinco parcelas de R$ 700 mil.

Fonte: Folha Press

Na tarde de hoje(28) um caminhão Ford, cor branca carregado com frutas, virou  na ladeira do Xixá, nas imediações da cidade de Bertolínia, deixando o motorista preso nas ferragens. Nossa reportagem entrou em contato com a assessoria de comunicação da Polícia Rodoviária Federal mas a equipe ainda estava no local, mas segundo a assessoria, as informações serão repassadas assim que for possível.

WhatsApp Image 2020 05 28 at 19.33.45

O Portal jc24horas teve acesso a imagens que foram feitas por internautas que passavam no local, no momento em que as pessoas tentavam retirar o motorista das ferragens. Informações chegadas agora há pouco dão conta de que ele permenece preso e uma equipe do Corpo de Bombeiros de Floriano se deslocou para fazer o resgate da vítima. 

Da redação

  • Cabedo
  • Ada Atten
  • Espeto e Cia
  • Blossom
  • Paraiba