O retorno gradual do efetivo do 2º Batalhão de Engenharia de Construção - Exército Brasileiro inicia nesta segunda-feira (15), com duas companhias que irá alternar os dias de trabalho. O subcomandante, tenente-coronel Rômulo Gonçalves, ressalta que todos os dias as equipes passarão por uma triagem para identificar sintoma da Covid-19. No Piauí, 20 militares do Exército já testaram positivo para o novo coronavírus (equipes de Teresina e Picos, incluindo o 25º Batalhão de Caçadores).

2 bec1Foto: 2º BEC

Questionado se os militares e civis - que atuam no 2º BEC - iriam passar por uma ampla testagem para identificar contaminação pelo novo coronavírus, o subcomandante disse que, neste momento, não será possível devido a restrita quantidade de testes. Inicialmente, os profissionais que relatarem sintomas serão isolados e encaminhados para testagem. O grupo de risco está afastado desde o início da pandemia.
A falta de uma ampla testagem preocupada alguns profissionais. O Cidadeverde.com recebeu um relato sobre o receio do retorno ao trabalho sem a testagem em todos, "sem se importar com a saúde dos trabalhadores e dos seus familiares", no mês em que cada vez mais se registra o número de mortes e casos confirmados pela Secretaria Estadual de Saúde, diz o depoimento.

"Não temos como sair testando todos. Nós temos testes para quem sentir os sintomas. Temos uma equipe de triagem, composta por médica, enfermeira e equipe de apoio. Se a equipe identificar algum sintoma, o militar retorna para casa e precisa cumprir os 15 dias de isolamento. Essa atividade de triagem irá continuar. A equipe de triagem já fica na entrada do quartel",esclarece o tenente-coronel. Somente no 2º BEC o efeito, entre civis e militares, é de 1.050 profissionais.

O subcomandante disse ainda que medidas de segurança são adotadas desde o início da pandemia no Piauí. Elas serão reforçadas para evitar a transmissão da doença, como a sanitização de ambientes, reforço na higienização pessoal e o uso obrigatório de máscaras. O subcomandante cita ainda que uma ação social no comando confeccionou mais de 1 mil máscaras que foram doadas aos que atuam no quartel.

Atividades

Com o retorno gradual do efetivo, apenas as atividades administrativas serão desempenhadas. O atendimento ao público externo permanece suspenso; com exceção de casos considerados essenciais. Os treinamentos também estão suspensos por tempo indeterminado. Fica mantido a manutenção de serviço de engenharia quando urgentes. Nos últimos meses, a guarda permaneceu na ativa e o trabalho presencial foi reduzido no quartel.

"Vamos continuar cumprindo as medidas autorizadas pelo Escalão Superior. Não vamos retornar para o expediente normal, será uma retomada gradual. Vamos dar andamento as atividades administrativas, como as licitações para o segundo semestre e a preparação para recebimento de recursos. Mesmo na pandemia, continuamos com algumas obras e manutenções essenciais, como aconteceu na cidade de São João dos Patos, seguindo os cuidados necessários".

 

Fonte:cidadeverde.com

  • Ada Atten
  • Cabedo
  • Paçoka
  • Espeto e Cia
  • Med Plan