• Dario PAX
  • Paraiba
  • Oticas Floriano
  • Posto Aliança
  • Garoto
  • Dario PAX
  • Garoto
  • Posto Aliança
  • Oticas Floriano
  • Paraiba

Por Paula Sampaio

O pré-candidato Silvio Mendes (União Brasil), ex-prefeito de Teresina, visitou o Shopping da Cidade acompanhado de pré-candidatos a vereador na capital na manhã desta terça-feira (18). Em entrevista, ele elencou propostas que pretende apresentar à cidade.

e9fa4645adc7d6a3543d28f77fb17839Foto: Paula Sampaio/Cidadeverde.com

“O Centro precisa de várias intervenções. A principal nós fizemos, que foi transferir os ambulantes, mas é preciso cuidar das calçadas, organizar eventos e recuperar o comércio com redução de impostos, principalmente. Um Centro que não vende é um Centro que não tem dinheiro”, avaliou.

Silve Mendes também fez críticas à antecipação da campanha e à divulgação de pesquisas eleitorais.

“Eu nunca vi na história de Teresina uma campanha tão louca como essa, onde tudo é permitido. Desde distribuição de cestas básicas, histórias de candidatos, pente fino de casa em casa. Isso não é permitido, só depois do dia 16 de agosto. A oposição se sente até acuada com tanta agressividade de pessoas que não têm limite”, declarou.

 

Fonte:cidadeverde.com

Palanque construído na base governista no segundo maior colégio eleitoral do Piauí. Ato político no estilo pré-convenção reuniu lideranças políticas de Parnaíba e da base aliada ao Palácio de Karnak para o lançamento da aliança MDB/PT na sucessão municipal. O governador Rafael Fonteles, o deputado federal Florentino Veras (PT) e o senador Marcelo Castro, presidente estadual do MDB, participaram do lançamento da chapa Dr.Hélio (MDB)/Flaviana Veras (PT) em Parnaíba. "A aliança está construída e pronta para a campanha", garante Dr. Hélio.

PHOTO 2024 06 15 21 37 56Foto:MDB

 

Fonte::cidadeverde.com

 

Participaram do encontro, lideranças políticas como a ex-deputada federal Iracema Portella, o presidente estadual da sigla, Leonardo Eulálio e Gessy Lima, pré-candidata a vereadora em Teresina, presidente do PL Mulher no Piauí. 

92615f8f991b901f531033ee16ebcc55Foto: reprodução Youtube PL

Michelle também fez um retrospecto das ações como primeira-dama e citou políticas públicas voltadas para surdos, pessoas com autismo, doenças raras, entre outros. Ao criticar Lula, ela fez um paralelo com o ex-presidente Bolsonaro, que participou do evento de forma online. 

"Ele [Bolsonaro] ia abrir a geladeira do povo, conversava com as pessoas, para saber o que estava acontecendo [...] aí você vê o outro lado [Lula], que na época da campanha, são tantas promessas que se dissolvem. Promete a picanha passadinha na farinha de mandioca e não tem nem abóbora pro povo", disse Michelle. 

 

Fonte:cidadeverde..com

Por Paula Sampaio

O deputado federal Júlio César Lima, presidente estadual do PSD, reagiu nesta sexta-feira (14), as declarações feitas pelo também deputado federal Jadyel Alencar (Republicanos) sobre a atuação do grupo dele no Piauí.

ef68b7202529fbd1035ace747c9355ffFoto: Paula Sampaio

Júlio César explicou a sua versão sobre dois fatos levantados por Jadyel Alencar em entrevista anterior ao Cidadeverde.com: a indicação da vaga de suplente de senador do PSD nas eleições de 2020 e a disputa entre os partidos por lideranças no município de Cocal.

“Acho estranhas as afirmações que ele fez, nunca tive compromisso em Piracuruca com o Dr. Raimundo, por quem tenho grande respeito. Foi a pessoa que mais estimulou para eu ser suplente, e depois que coube ao nosso partido, pediu realmente que fosse indicado. Segundo, ele falou em Cocal. Lá eu mantive o que já tinha. Ele [Jadyel] queria tirar a presidência para dar a outro. Eu pedi para dar uma decisão até o final dessa semana e quando foi no começo dessa semana, foram nos agredir. Nós não fizemos nada. Meu caro deputado Jadyel, fale a verdade”, declarou.

Júlio Cesar também respondeu as declarações de Jadyel Alencar, que tem desacreditado que ele será o indicado para a segunda vaga no Senado em 2026.

“Eu tenho o maior apreço por todos os deputados, nunca agredi ninguém. Agora, fazer pesquisa só na Assembleia, faça uma pesquisa com o povo, majoritária quem tem a preferência é o povo de indicar. Eu não tenho nada contra o Dr. Francisco ou Flávio, eles podem defender o nome deles. Agora, na hora de decidir a decisão é do povo”, disse.

Na avaliação feita por Júlio César, as críticas do parlamentar são, na verdade, pelo expansão do PSD no Piauí: “Essa ciumeira é pelo crescimento do partido”, finalizou.

 

Fonte:cidadeverde.com

  • Ada Atten
  • Cabedo
  • Espeto e Cia