O Progressistas deve indicar o candidato a vice da chapa que será encabeçada pelo ex-secretário de Educação, Kleber Montezuma, na disputa pela Prefeitura de Teresina. Apesar de um grupo tucano defender o nome do ex-prefeito Sílvio Mendes (Progresssistas), Ciro afirma que a legenda não descarta lançar um nome novato como, por exemplo, uma mulher.

46e5c4e0632f6b5f544c53e4110e23f8Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

“Temos vários nomes. Temos todo tipo de perfil. Pessoas com experiência, que já foram gestores, mulheres, vereadores com representatividade. Fico orgulhoso disso e o que não falta é quadro competente que possa somar. A indicação é total do candidato e do prefeito. Qualquer escolha terá nosso apoio independente de ser do Progressistas ou não”, destacou.

Apesar do próprio prefeito Firmino Filho (PSDB) já ter afirmado que a vaga de vice é progressistas, Ciro diz que se outra legenda possuir um nome com mais expressividade, o partido pode abrir mão da indicação.

“Se tiver algum quadro fora do Progressistas que possa somar, primeiro administrativamente, e depois eleitoralmente, não teremos dificuldade de apoiar. Agora no caso de não ter, o normal é que o Progressistas faça a indicação. Essa indicação vai passar pelo crivo do candidato e pela avaliação do prefeito”, destacou.

Para Ciro, não deve ocorrer surpresa quanto ao candidato a prefeito. Segundo ele, o indicado do prefeito deve ser Kleber Montezuma.

“Sempre acho que em eleição você tem que entrar com o que há de melhor. Já está praticamente escolhido, apesar de não ter sido anunciado, o nome do professor Kleber Montezuma. Acho que não vamos mais ter surpresas quanto a isso. Na escolha do vice, temos que escolher o melhor”, destacou.

 

Fonte:cidadeverde.com

  • Cabedo
  • Ada Atten
  • Paraiba
  • Espeto e Cia