• Posto Aliança
  • Casa dos frios
  • Farmaduty
  • veloso
  • Garoto
  • Oticas Floriano
  • Dario PAX
  • Farmaduty
  • Casa dos frios
  • Garoto
  • Dario PAX
  • veloso
  • Oticas Floriano
  • Posto Aliança

Na noite de ontem(11) um homem foi assassinado com golpes de faca nas imediações de um chafariz localizado no bairro Tiberão por elementos até o momento desconhecidos. Segundo informações que circularam nas redes sociais, a vítima identificada como Emerson, teria reagido a um assalto quando os dois elementos lhe desferiram aproximadamente seis perfurações que lhe causaram a morte ainda no local do crime.

WhatsApp Image 2020 01 11 at 22.49.52Emerson assassinado com golpes de faca. (Imagem:Divulgação)

As polícias civil e militar estiveram no local sendo que enquanto a PM preservava o local do crime enquanto a polícia civil chegava, a Polícia Civil foi a encarregada de fazer os primeiros levantamentos periciais e conduzir uma jovem para a Central de Flagrantes para prestar depoimento como testemunha. O corpo da vítima foi levado para o necrotério do Hospital Regional Tibério Nunes para ser submetido à exames periciais em seguida ser liberado para sepultamento. Nossa reportagem registrou o momento em que chegou no necrotério o corpo do Merson, como era conhecido o jovem assassinado.

Da redação

O Conselho Regional de Medicina de Mato Grosso abriu uma sindicância contra o cirurgião plástico e ex-BBB Marcos Harter por ele oferecer cirurgias de colocação de silicone para pacientes de Santa Catarina, onde ele não tem registro para trabalhar.

52a5b1966f95d4d6263d5fbfa9c48776Fotos: Reprodução/instagram/@drmarcosharter

Harter, em suas redes sociais, tem publicado algumas semanas sobre uma oferta de colocação de silicone para quem esteja em Santa Catarina. Ele cobra o valor de R$ 6.950.

Porém, de acordo com o documento do CRM-MT, "é vedado ao médico a prática de concorrência desleal; o exercício mercantilista da medicina; permitir que sua participação na divulgação de assuntos médicos, em qualquer veículo de comunicação de massa, deixe de ter caráter exclusivamente de esclarecimento e educação da sociedade, e a divulgação de assunto médicos de forma sensacionalista, promocional ou de conteúdo inverídico".
O Conselho esclarece também que já instaurou procedimentos administrativos (sindicâncias) e, inclusive, está em andamento um processos ético profissional para apurar os eventuais desvios de conduta do médico Marcos de Oliveira Harter.

Além disso, diz ter emitido notificação para o Conselho de SC para que este acompanhe as ações do cirurgião em terras catarinenses. Ele só tem registro para trabalhar no Mato Grosso e deverá responder por isso.

Quando um profissional médico infringe uma regra ou um artigo do código de ética precisa responder e pode sofrer penalidades, que vão desde uma advertência privada (só para conhecimento dele) quanto públicas até uma cassação do registro médico.

Pelas redes sociais, Marcos Harter avisa que o mutirão das cirurgias plásticas de mama na região vai durar até março.

Procurado, o médico Marcos Harter não respondeu às solicitações, nem pelas redes sociais nem pelo telefone que ele mesmo disponibilizou para os agendamentos das consultas.

Porém, em seu Instagram, publicou imagem da notícia do portal da Globo sobre a sua investigação e fez piada: "Obrigado, sempre divulgando a minha arte".

Fonte: Folha Press

Após autorizar a retirada do corpo da ala onde aconteceu o crime para ser levado para o necrotério onde são realizadas as perícias, o Delegado Danilo Barroso e sua equipe deixou o Hospital Tibério Nunes por volta das 05h50min para iniciar as primeiras investigação. Além de investigar os contatos do homem assassinado, a polícia também vai procurar testemunhas, apesar do fato de que todos estavam dormindo na hora do crime e ver a possibilidade de captar alguma imagem de câmeras para facilitar na elucidação.

WhatsApp Image 2020 01 11 at 07.58.27 1Delegado Danilo Barroso e sua equipe. (Imagem:Reprodução)

Nossa reportagem registrou o momento em que a equipe do delegado deixava o hospital com o pai da vítima que preferiu não se identificar nem conceder entrevista.

Da redação

  • Ada Atten
  • Cabedo
  • Paraiba
  • Espeto e Cia
  • Blossom