Na manhã dessa sexta-feira(20) o senhor Francisco de Assis, motorista da empresa TransPiauí entrou em contato com o quartel do 3º Batalhão Policial Militar para informar que um passageiro entrou em surto psicótico e tentou tomar a direção do ônibus em pleno movimento fazendo com que o veículo entrasse em um matagal, mas graças a Deus e a  sua agilidade conseguiu controlar e evitar que alguém se ferisse. O fato aconteceu na Pi 140 nas imediações do povoado Boa Esperança entre as cidades de Floriano e Itaueira.

Duas viaturas do serviço de policiamento ostensivo do 3º BPM comandadas pelo Aspirante a Oficial Jean se deslocaram mas ao chegar no local o homem já havia se evadido e o motorista foi orientado a prestar queixa na Central de Flagrantes de Floriano.

spImagem ilustrativa

 

Da redação

Por volta das 21h 35min dessa sexta-feira(20) o Copom (190) do 3º Batalhão Policial Militar foi informado que dois elementos em uma moto Pop 100 cor preta, portando arma de fogo tomaram de assalto um aparelho de telefone celular de marca Samsung Gram Prime, cor branca, fato ocorrido na rua Sete de Setembro no bairro São Cristóvão. As viaturas foram acionadas no sentido de localizar e prender os meliantes, mas até o momento eles não foram identificados e a vítima foi orientada a prestar queixa na Central de Flagrantes de Floriano. Os nomes da vítima e da denunciante serão preservados.

rvImagem ilustrativa

 

Da redação

A causa da morte da ex primeira-dama de Barreiras do Piauí, Crisleyde Sousa, ainda é um mistério. O delegado que preside as investigações do caso, Welton Martins, informou ao Cidadeverde.com que não recebeu os laudos das perícias realizadas no dia em que Crisleyde foi encontrada morta, no último dia 13. O prazo para a entrega encerrava nesta sexta-feira (20).

8ace530a3a56ca8c6133ca81539f1f53Polícia investiga perfil psicológico de primeira dama encontrada morta.(Imagem:Divulgação)

"Os laudos são imprescindíveis. Prefiro não me manifestar sobre as circunstâncias da morte sem antes ter recebido os laudos", disse o delegado. Até agora, o delegado ouviu vários depoimentos. Um deles foi o do prefeito eleito de Barreiras, Maurício Neto Parente Lacerda, conhecido como Mauricinho. Na oitiva, apesar de não ter presenciado a cena, o gestor declarou que o caso foi de um suicídio.

O delegado também colheu informações sobre o perfil psicológico de Crisleyde. Segundo as investigações, a ex primeira-dama, não vivenciava uma depressão. "Ela tinha problemas comuns, corriqueiros, nada fora do normal", resumiu o delegado Welton.

O inquérito que apura a morte da ex primeira-dama deve ser concluído até o dia 12 de fevereiro. Caso haja necessidade, o delegado deve pedir prorrogação do prazo por mais 30 dias.

"Os laudos são importantes para averiguarmos se as versões contadas nos depoimentos realmente batem com a verdade", explicou o delegado Welton.

O Cidadeverde.com tentou contato com o Instituto de Criminalística, mas não as ligações não foram atendidas.

A primeira-dama de Barreiras do Piauí, Crisleyde Sousa, 29 anos, foi encontrada morta dentro da própria residência na noite de sexta-feira (13).

 

Fonte:cidadeverde.com

Um veículo particular foi incendiado na madrugada deste sábado (21) na Zona Oeste de Natal, mesmo após o início da atuação das Forças Armadas na região Metropolitana da capital potiguar. Segundo a Polícia Militar, quatro homens teriam ateado fogo no carro. Ninguém foi preso.

onibus 2Em Natal, um ônibus foi atacado por criminosos e incendiado; ninguém se feriu (Foto: PM/Divulgação)
Policiais do 9º Batalhão da PM disseram ao G1 que o grupo estava armado. O crime aconteceu por volta das 4h na rua Arco-Íris, no bairro de Felipe Camarão.
Ainda durante a madrugada, enquanto o veículo queimava, populares perceberam a ação e conseguiram apagar as chamas.
Ataques
Até o momento, vinte e seis ônibus e micro-ônibus, cinco viaturas do governo do estado e das prefeituras, um caminhão, dois carros particulares, quatro delegacias e outros três prédios públicos foram alvos de criminosos. Não há informação de pessoas feridas. Os atentados, a maioria incendiários, foram registrados em dez municípios.
Segundo o secretário de Segurança Pública, Caio Bezerra, está sendo investigado se os ataques têm relação com a crise no sistema penitenciário do estado. "Pessoas já foram presas", afirmou, mas sem revelar a quantidade de detidos.
A maioria dos ataques aconteceu no mesmo momento em que a PM fazia a remoção de 220 presos da Penitenciária Estadual de Alcaçuz. No local, 26 detentos morreram durante uma rebelião no final de semana. Destes, segundo o governo, 15 foram decapitados. Alcaçuz fica em Nísia Floresta, cidade da Grande Natal.

 

Fonte:G1

  • Ada Atten
  • Cabedo
  • Espeto e Cia
  • Paraiba