• Oticas Floriano
  • Posto Aliança
  • Garoto
  • Dario PAX
  • Farmaduty
  • Posto Aliança
  • Farmaduty
  • Oticas Floriano
  • Garoto
  • Dario PAX

Um menino de 11 anos foi morto por guardas civis metropolitanos na manhã deste domingo (26), em Guaianazes, na Zona Leste de São Paulo, durante uma perseguição. Segundo informações do Conselho Estadual de Direitos Humanos (Condepe), o menor estava em um carro na região. Ele estaria com outros dois rapazes no veículo, mas eles conseguiram fugir. A criança estava no banco de trás.

chevette menorCarro onde um menino de 11 anos foi morto por guardas civis metropolitanos (Foto: Ariel de Castro/Arquivo Pessoal)
O caso foi registrado no 49º Distrito Policial (São Mateus) e o inquérito foi instaurado pelo Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP), de acordo com informações do Condepe.
Em nota, a Prefeitura Municipal de São Paulo informou que a Secretaria de Segurança Urbana "imediatamente ordenou apuração rigorosa do ocorrido e afastamento dos agentes da Guarda Civil Metropolitana envolvidos, até que se esclareçam os fatos". A pasta, no entanto, não informou quantos guardas foram afastados.
O advogado Ariel de Castro Alves, membro do Condepe, vai acompanhar o caso. "Se houve afastamento de guardas há indícios de que ocorreu homicídio. O motoqueiro, possivelmente um vigilante noturno, que tinha acionado os guardas não foi encontrado. Não tem testemunha de que essas pessoas estavam assaltando."
Para ele, o caso foi registrado como homicídio culposo (quando não há intenção de matar). "A hipótese de homicídio doloso deve ser considerada, já que nenhum tiro atingiu a lataria ou os pneus do carro. E sim o tiro foi efetuado em direção à cabeça das pessoas que estavam sendo perseguidas, atingindo a criança de 11 anos", disse Castro.
O advogado informou que não há confirmação, até o fechamento desta reportagem, de que o carro tivesse sido furtado ou roubado.
A Secretaria da Segurança Pública de São Paulo foi procurada pelo G1 para falar sobre o caso, mas ainda não retornou os contatos. A Polícia Militar também foi questionada sobre o ocorrido, mas ainda não se posicionou.

 

 

Fonte: G1

Através da rede social facebook, o internauta Edgley Carvalho postou uma mensagem de apelo no sentido de encontrar uma motocicleta que foi furtada na manhã de hoje. Confira a íntegra da mensagem e ajude na recuperação desse veículo.

"atenção peço que me ajudem a encontrar uma moto desse modelo da Honda ano 2004 placa LWB 4912 roubada hoje pela manhã no mercado quem souber de alguma informação por favor entrar em contato (89)94612693 ou (89)9994-4572".

13516367 1077178309023648 679545505129373187 nModelo da moto furtada. (Imagem:Divulgação/facebook)

 

Da redação

O serviço de policiamento ostensivo realizado pelos homens e mulheres que integram os quadros do 3º Batalhão Policial Militar, foi tranquilo segundo informação do Sub-Tenente Maurício, Fiscal de Dia nas últimas horas é responsável pelo trabalho da PM. O único registro foi um arrombamento em residência onde foi subtraído um botijão de gás.

 

2e5a3203 26d6 4b8f ba03 745f92eec63fSub-Tenente Maurício. (Imagem:Temístocles Filho/jc24horas)

Da redação

Promovido à graduação de primeiro Sargento em solenidade no quartel do 3º BPM realizada na manhã do dia 24 último, o récem promovido Luis Carlos concedeu uma entrevista ao portal jc24horas onde disse que agradece a Deus, à sua família e à instituição Polícia Militar pela sua promoção. "Esperamos que daqui pra frente tudo melhore e a gente honre com essa nova função que a polícia nos concedeu". Disse o Primeiro Sargento Luis Carlos.

A nova graduação aumenta também a responsabilidade do militar. "A responsabilidade a qual não fugimos e estamos prontos para atender bem. Sempre que solicitarem, estarei pronto pra ajudar". Finalizou o Sgt Carlos, uma das reservas morais da instituição.

86520e07 043c 4354 ba23 20326187013cPrimeiro Sargento Luis Carlos. (Imagem:Temístocles Filho/jc24horas)

 

Da redação. 

  • Espeto e Cia
  • Paraiba
  • Blossom
  • Casa Boa Esperança
  • Cabedo
  • Rastek
  • Ada Atten