• floriano shop
  • Paraiba
  • Posto Aliança
  • Garoto
  • Oticas Floriano
  • Construforte
  • Farmaduty
  • Dario PAX
  • Paraiba
  • Dario PAX
  • Garoto
  • Farmaduty
  • floriano shop
  • Oticas Floriano
  • Construforte
  • Posto Aliança

Desde o dia 13 de dezembro do ano passado que a família do senhor Expedito e dona Rita vive o drama com a morte de sua filha Franciliana Dias dos Santos, que tinha 36 anos de idade quando morreu na cidade de Anísio de Abreu, de uma forma que até hoje a família não sabe. Ela estava com as filhas na casa do seu ex-marido faleceu nas primeiras horas da manhã. O que deixa a família intrigada, é que o corpo de vítima foi retirado da residência do ex-marido onde, possivelmente teria passado mal antes de morrer, levado para uma empresa funerária onde foi preparada para velório depois de higienizada e vestida e os familiares souberam do caso através da filha da vítima que tem apenas 10 anos de idade.

WhatsApp Image 2021 09 13 at 16.41.47 1Expedito e Sandra. Pai e irmã da vítima. (Imagem: Temístocles Filho/jc24horas)
Após saber da morte da filha, Expedito entrou em contato com a família do ex-esposo de Franciliana dizendo que não tocassem no corpo de sua filha, mas todas essas alterações citadas já tinham acontecido. Ao chegar na cidade de São Raimundo Nonato, ele procurou a polícia que providenciou a liberação do cadáver para ser submetido à exames periciais em Teresina, cujo resultado foi definido como inconcluso. Nove meses depois, a família ainda aguarda uma resposta para saber qual a causa da morte da Franciliana Dias dos Santos, aos 36 anos de idade.

WhatsApp Image 2021 09 13 at 09.04.41

Da redação